Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quarta-feira, Dezembro 1, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes | Workshop “Preparar o Atleta do Futuro” decorre a 22 de outubro

Paulo Guerra, ex-atleta olímpico e Embaixador da Ética Desportiva, Hugo Leal, vice-presidente do Grupo Desportivo Estoril Praia, e Pedro Roque, diretor técnico do Comité Olímpico de Portugal, são os oradores do workshop “Preparar o Atleta do Futuro” que se realiza esta sexta-feira, dia 22 de outubro, às 21h30, no auditório do Estádio Municipal de Abrantes.

- Publicidade -

O evento, que tem como público alvo treinadores e dirigentes dos clubes e associações que desenvolvem atividade desportiva no concelho de Abrantes, bem como a todos os interessados no fenómeno desportivo, conta ainda com as presenças de José Lima, coordenador do Plano Nacional de Ética no Desporto, do presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos, e do vereador do Município de Abrantes, Luís Dias.

O workshop “Preparar o Atleta do Futuro” é um ciclo bianual de formações, que surgiu em 2011, e que tem como objetivos a qualificação contínua dos diferentes agentes desportivos. Até ao momento, já foram abordados temas como o desenvolvimento desportivo; desafios para a alta competição; ser treinador – conceitos; condutas e orientações; jogar à bola ou jogar futebol; fatores intrínsecos; treino do jovem atleta; coordenação técnica de um clube; relacionamento com os pais; a deteção, identificação e desenvolvimento de jovens com talento para o desporto; especialização desportiva, entre outros.

- Publicidade -

Recentemente, o Instituto Português do Desporto e da Juventude, através do Plano Nacional de Ética no Desporto, certificou o workshop “Preparar o Atleta do Futuro”, desenvolvido pelo Município de Abrantes, com a Bandeira da Ética.

A entrada é livre, mas carece de inscrição até esta quinta-feira, dia 21 de outubro, para o email desporto@cm-abrantes.pt ou na receção do Estádio Municipal de Abrantes.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome