Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Sábado, Outubro 16, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes | “Tudo como dantes, Hotel Turismo em Abrantes” – António Costa

O primeiro-ministro disse hoje em Abrantes, onde inaugurou ao início da noite a requalificação de um hotel, que a “grande vitalidade económica” do eixo da A23 “ilustra bem o momento que se vive na economia” portuguesa tendo afirmado que “em Abrantes, tudo como dantes. Hotel Turismo em Abrantes”, improvisou, perante os aplausos gerais, na cerimónia de inauguração da requalificação da unidade hoteleira, um investimento na ordem dos 2,1 milhões de euros.

- Publicidade -

“Ao longo deste meu dia dedicado ao eixo da A23” [Auto Estrada 23, que liga Torres Novas à Guarda], “pude testemunhar, entre Proença-a-Nova, Castelo Branco, Covilhã  e Abrantes, a grande vitalidade económica do investimento empresarial em toda esta região”, afirmou António Costa em Abrantes, onde presidiu à cerimónia de reabertura do Luna Hotel Turismo de Abrantes, após um investimento privado de 2,1 ME.

O Luna Hotel Turismo de Abrantes está situado no centro da cidade, no Alto de Santo António. Foto: Fernando Baio/CM ABT

- Publicidade -

“Desde novas empresas, seja industriais, seja na área das novas tecnologias, expansão de empresas ou remodelação de hotéis, foi um dia que ilustra bem o momento que se vive na economia portuguesa”, observou, tendo destacado que, “só em hotéis, para além deste [em Abrantes], que hoje reabre, inaugurei há pouco a remodelação de um grande hotel na Covilhã”.

Números da economia que, para António Costa, “não têm surgido por acaso”, tendo feito notar que “não é por acaso que a economia cresce, que a economia está a gerar emprego, e que o desemprego está a baixar. É porque há investimento. E investimento das empresas”, frisou.

“Investimento que”, defendeu, “é fruto da confiança que o país hoje sente no seu futuro. Não é só a Comissão Europeia ter retirado Portugal do procedimento do défice excessivo. É o facto dos portugueses poderem encarar com tranquilidade as expectativas relativamente ao que vai acontecer no dia a seguir, o facto dos empresários poderem olhar com estabilidade para aquilo que é o quadro fiscal e de financiamento com que podem contar, e, claro, é também o facto de estarmos já em velocidade cruzeiro na aplicação dos recursos do Portugal 2020 e de haver maior procura interna”, elencou.

“Grande vitalidade económica do eixo da A23 ilustra momento da economia portuguesa”, destacou António Costa. Foto: Fernando Baio/CM ABT

“Isto significa que temos de preservar a todo o custo aquilo que já conquistámos e a confiança para que este ciclo continue positivo”, frisou António Costa, tendo destacado a importância do investimento de 2,1 milhão de euros efetuado na remodelação do Hotel de Abrantes como importante para o setor do turismo e para a dinamização economia local, através dos vários setores da economia que a unidade hoteleira depende para se abastecer.

A presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Maria do Céu Albuquerque (PS), por sua vez, destacou a importância para a história da cidade, que assinala o seu centenário, para o turismo e para economia a reabertura do Hotel de Turismo de Abrantes, hoje Luna Hotel, tendo lembrado os “40 postos de trabalho diretos” gerados, bem como o “retorno que este investimento teve para a economia local, uma vez que foram contratadas empresas abrantinas para as várias áreas de intervenção”.

O equipamento hoteleiro está localizado no centro da cidade e com vista privilegiada para o Vale do Tejo, tendo sido inaugurado em 1954. Estava encerrado desde 2014. Foto: Fernando Baio/CM ABT

O equipamento hoteleiro está localizado no centro da cidade e com vista privilegiada para o Vale do Tejo, tendo sido inaugurado em 1954 em projeto elaborado pelo arquiteto Vasco de Lacerda Marques. Está encerrado ao público desde 2014.

O Luna Hotel Turismo de Abrantes, situado no centro da cidade, no Alto de Santo António, é composto por 44 quartos e suítes, decorados e mobilados sob o conceito clássico alusivo à época da sua inauguração (1954), e tem um espaço dedicado a eventos, como casamentos, batizados, banquetes, conferências e congressos, piscina exterior, ginásio e jacuzzi, e serviço de bar e restaurante, que apostará num cardápio com a gastronomia tradicional da região.

“É um espaço emblemático e situa-se na zona mais nobre da cidade de Abrantes”, disse Maria do Céu Albuquerque. A autarca anunciou que, em alinhamento com este investimento privado, a Câmara Municipal está a realizar um investimento na ordem dos 150 mil euros na reabilitação do espaço público envolvente ao hotel, nomeadamente as zonas verdes do jardim do Alto de Santo António, recorrendo à valorização das espécies existente, dos percursos pedonais e dos equipamentos urbanos.

Abrantes l Hotel reabre após investimento de 2 milhoes

Publicado por mediotejo.net em Sexta-feira, 2 de Junho de 2017

No final brindou-se com o vinho rosé de Tramagal e com António Costa a reconstruir um ditado histórico abrantino: “Em Abrantes, tudo como dantes. Hotel Turismo em Abrantes”, improvisou, perante os aplausos gerais.

Luna Hotel Turismo de Abrantes foi hoje inaugurado por António Costa. Foto: Fernando Baio/CM Abrantes

Abrantes l Hotel Turismo inaugurado por Antonio Costa

Publicado por mediotejo.net em Sexta-feira, 2 de Junho de 2017

C/LUSA

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome