- Publicidade -

Sábado, Janeiro 22, 2022
- Publicidade -

Abrantes | Triatlo condiciona trânsito na cidade entre as 13:00 e as 17:00

Devido à realização do Campeonato Nacional Jovem/Triatlo de Abrantes, este sábado, dia 13 de julho, no Aquapolis Margem Norte, o trânsito irá estar condicionado em Abrantes, entre as 13h00 e as 17h00.

- Publicidade -

Estes condicionamentos ao trânsito serão regulados pela PSP e por sinalização temporária a instalar nos locais apropriados e neste período o trânsito na EN2 será desviado pela Avenida do Paiol, Avenida Dr. Santana Maia, Avenida 25 de Abril, Avenida das Forças Armadas e Avenida D. João I e vice-versa.

Interrupção do trânsito:
Avenida da Portagem (EN2), entre a Avenida do Paiol e a Avenida Dr. Francisco Sá Carneiro, com exceção para moradores até à Rua da Barca;
Avenida D. Manuel I (EN2), entre a Avenida Dr. Francisco Sá Carneiro e Rua do Gomente, com exceção para moradores e para os comércios existentes entre a Rotunda do Olival e a Rua do Gomente;
Avenida Dr. Francisco Sá Carneiro entre a Avenida da Portagem / Avenida D. Manuel I e a Avenida Engº Adelino Amaro da Costa;
Rua do Gomene, em toda a sua extensão;
Avenida Rainha Dª Leonor, entre a Rua Dª Inês de Castro e a Avenida da Portagem;
Rua da Barca, entre a Rua da Fosforeira e a Rua da Fábrica do Sabão, com exceção para moradores;
Interrupção do trânsito e proibição de estacionamento:
Avenida do Aquapolis, em toda a sua extensão;
Esplanada das Docas, em toda a sua extensão;
Proibição do acesso à Avenida da Portagem pela Rua da Conferência;
Permissão do trânsito a veículos pesados na Avenida do Paiol, Avenida Dr. Santana Maia, Avenida 25 de Abril e Avenida das Forças Armadas.

- Publicidade -

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome