- Publicidade -

Abrantes | Rotary Club e Município atribuem 66 bolsas a estudantes do concelho

A cerimónia de atribuição de bolsas de estudo do Rotary Club de Abrantes em 2021 decorreu online, no dia 20 de março. Este ano letivo, foram atribuídas 66 bolsas de estudo a alunos do concelho de Abrantes cujas famílias se encontrem em situação de dificuldade económica, das quais 42 foram patrocinadas pelo Município.

- Publicidade -

Do total, das 66 bolsas de estudo, 63 são do ensino superior e três do ensino secundário. Este ano registou-se o valor mais alto de candidaturas dos últimos anos, num total de 117.

Recorde-se que a autarquia de Abrantes e o Rotary Club de Abrantes estabeleceram uma parceria desde 2012 para atribuição de bolsas de estudo a alunos do concelho.

- Publicidade -

Para o presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos, “temos muito orgulho nesta articulação que fazemos com o Rotary Club de Abrantes e temos intenção de reforçar este apoio. Atualmente apoiamos 42 bolsas de estudo, mas este número pode ter de ser reforçado, principalmente nestes tempos de pandemia, porque acreditamos na escola para todos e que todos têm de ter as mesmas oportunidades”.

A sessão online do Rotary Club de Abrantes contou com a presença de vários bolseiros que salientaram a importância destes apoios para a prossecução dos estudos, bem como de patrocinadores deste projeto (particulares e empresariais), nomeadamente do Administrador da Fundação Rotária Portuguesa, Roberto Carvalho, e do presidente do Rotary Club de Abrantes, Joaquim Melo dos Santos, entre outros elementos do movimento rotário.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -