Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Julho 24, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes: Projeto “Música do Nosso Tempo” estreia em Alvega

O projeto “Musica do Nosso Tempo” estreia no sábado, dia 2 de julho, pelas 22h00, na Praça da República, em Alvega, com a atuação da Academia Músicos de Abrantes (AMA) durante a realização da Feira Gastronómica local.

- Publicidade -

O projeto nasceu no âmbito das comemorações do centenário da cidade de Abrantes, tendo os músicos abrantinos Humberto Felício, como comissário e mentor, e José Miguel Vitória Rodrigues, enquanto diretor artístico.

É uma orquestra de sopros e de percussão, com a inclusão da secção de cordas, constituída por 67 músicos oriundos das bandas filarmónicas do concelho e do ensino integrado, contando com as vozes de Salomé Silveira, Nélson Bonito e Humberto Felício.

- Publicidade -

O repertório é alicerçado no legado musical do centenário da cidade e inclui estilos musicais diversificados a partir de temas de compositores/ arranjadores e autores consagrados, designadamente: Guilherme Silva; José Rodrigues; Lino Guerreiro; António Variações; Paulo de Carvalho e Carlos do Carmo. Conduz-nos ainda por memórias musicais de outros tempos, como os casos do Festival da Canção Jovem de Abrantes, organizado no final dos anos 80 do século XX pelo Clube Náutico de Abrantes e pelo tema “Abrantes” de Jorginho Portugal, lançado em 1985 pela então Rádio Antena Livre, com o apoio da CMA.

Depois de Alvega, seguir-se-ão mais 4 concertos.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here