Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Julho 30, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes: Projeto “Musica do Nosso Tempo” apresenta-se em Rio de Moinhos e Aquapolis Sul

O projeto “Musica do Nosso Tempo” continua em itinerância com a atuação da Academia Músicos de Abrantes (AMA), este sábado, dia 17 setembro, às 21h30, no Adro da Igreja de Rio de Moinhos e, no domingo, dia 18, pelas 18h00, no Aquapolis, Margem Sul, no Rossio ao Sul do Tejo, no âmbito do programa do evento “Entre Margens”.

- Publicidade -

A “Musica do Nosso Tempo” nasceu no âmbito das comemorações do centenário da cidade de Abrantes, tendo os músicos abrantinos Humberto Felício, como comissário e mentor, e José Miguel Vitória Rodrigues, enquanto diretor artístico.

É uma orquestra de sopros e de percussão, com a inclusão da secção de cordas, constituída por músicos oriundos das bandas filarmónicas do concelho e do ensino integrado.

- Publicidade -

O repertório é alicerçado no legado musical do centenário da cidade e inclui estilos musicais diversificados a partir de temas de compositores/ arranjadores e autores consagrados e conduz-nos ainda por memórias musicais de outros tempos, como o Festival da Canção Jovem de Abrantes, organizado pelo Clube Náutico de Abrantes na década de 80 ou o tema “Abrantes” de Jorginho Portugal, de 1985.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome