Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Novembro 28, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes | Município aprova protocolo para administração da vacina da gripe nas farmácias a maiores de 65 anos

A Câmara Municipal de Abrantes vai assinar um protocolo de cooperação com a Associação Nacional das Farmácias, a Associação de Farmácias de Portugal e a Farminveste, cujo objetivo é a administração gratuita da vacina contra a gripe sazonal por farmácias comunitárias aderentes do concelho de Abrantes, no âmbito do programa nacional “Vacinação SNS Local”.

- Publicidade -

- Publicidade -

O Município de Abrantes comparticipa a despesa associada no montante de 1.875,00 euros, correspondente a 750 inoculações.

A minuta do protocolo e a autorização da despesa foram aprovadas, por unanimidade, na reunião de Câmara realizada no dia 2 de novembro.

- Publicidade -

O presidente da Câmara, Manuel Jorge Valamatos, explicou que “tal como no ano passado, a intenção da autarquia é colaborar na administração da vacina da gripe com a maior rapidez possível, aliviando os centros de saúde e contribuindo para a salvaguarda da saúde pública local”.

Os utentes com mais de 65 anos de idade que recorrerem às farmácias aderentes, cuja listagem será anunciada brevemente, deverão apenas facultar, aquando da vacinação, o nome, número de utente e apresentar a sua identificação pessoal para confirmação da idade.

No âmbito da adesão pelo Município a este programa nacional, em 2020 foram vacinados 393 cidadãos em farmácias comunitárias aderentes.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome