Abrantes | Lar do Centro Social do Pego com dois casos confirmados de covid-19

Um funcionário e um utente do lar do Centro Social do Pego testaram positivo ao novo coronavírus. Neste momento estão a ser testados 123 pessoas entre utentes e funcionários afetos ao serviço de lar. A primeira pessoa a testar positivo foi o trabalhador que acusando sintomas gripais – e tendo registado num passado recente problemas respiratórios – dirigiu-se ao hospital onde acusou positivo ao SARS-Cov-2, explicou ao mediotejo.net o presidente da direção, António Mor.

PUB

O funcionário encontra-se em isolamento no seu domicílio e o utente do serviço de lar do Centro Social do Pego, no concelho de Abrantes, encontra-se hospitalizado. Esta segunda-feira estão a ser testados todos os utentes e todos os funcionários afetos ao serviço de lar da Instituição, num total de 123 pessoas.

“Até hoje de manhã a situação é de que teríamos dois casos, uma funcionária e uma utente. Há mais dois casos em apreciação, enviados para o hospital. Na sequência deste segundo caso estão a decorrer neste momento, nas instalações da instituição, os testes a utentes e funcionários” no sentido de determinar a incidência do surto.

PUB

António Mor afirmou que “cada uma das áreas técnicas nas respostas, ou no cumprimento das obrigações procura salvaguardar” a saúde dos utentes e trabalhadores e “estávamos convencidos que não íamos ter problema nenhum com todos os cuidados que estávamos a ter, mas ninguém está livre”, lamentou.

O lar residencial do Centro Social do Pego tem capacidade para 68 utentes “mas neste momento por causa da necessidade dos isolamentos, porque quem vai ao hospital, regressa e tem de ficar em isolamento, creio que são 66. Contudo, com uma lista de inscritos para preenchimento de 68, porque este edifício não foi concebido para ser unidade de saúde, não temos propriamente uma zona para isolamento. Temos há algum tempo duas camas para estas situações”, notou o responsável.

PUB

António Gomes Mor explicou que “o acompanhamento, o aconselhamento e o ouvir a qualquer hora do dia desde o primeiro momento em que a situação foi detetada, no sábado passado, por parte da drª. Maria dos Anjos Esperança, é do melhor registo possível. Está absolutamente atenta e é alguém em quem nós e a sociedade confiamos”, concluiu.

Os resultados da bateria de testes hoje efetuados serão conhecidos nas próximas horas.

PUB
Paula Mourato
A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.
PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).