Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Julho 27, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes: Historiador apresenta livro sobre a aldeia de Água das Casas

O historiador José Martinho Gaspar vai apresentar na quinta-feira, dia 22 de outubro, o livro “Água das Casas: Memórias de uma Comunidade”, que retrata a vida quotidiana desta localidade do concelho de Abrantes que é rodeada de água, num dos braços da albufeira de Castelo do Bode.

- Publicidade -

Neste livro, o autor, José Martinho Gaspar, que nasceu naquela aldeia na década de 60, descreve as práticas de sociabilidade e as tradições festivas, o processo associativo desde há 40 anos, bem como a estrutura das famílias e de como se cruzam até meados do século XX nesta localidade pertencente à freguesias de Fontes.

jose martinho gaspar (Foto CMAbrantes)José Martinho Gaspar é licenciado em História pela Universidade de Coimbra, onde também fez mestrado em História Contemporânea, no âmbito do qual publicou “A Primeira República em Abrantes: evolução política e ação laicizadora” e “Os discursos e o discurso de Salazar”.

- Publicidade -

Além de produzir vários estudos sobre a história local, José Martinho Gaspar coordena o Centro de Estudos de História Local de Abrantes, onde dirige a revista Zahara há 13 anos.

Este livro, “Água das Casas: memórias de uma comunidade”, publicado pelo Centro Social, Cultural, Recreativo e Desportivo de Águas das Casas, tinha de ser escrito surge porque o autor entende que tinha esse dever para com a aldeia onde nasceu e aqueles que a construíram.

A apresentação do livro realiza-se no próximo dia 22 de outubro, pelas 21h30, na Biblioteca Municipal António Botto, em Abrantes, e estará a cargo de Ercília Lucas Francisco.

Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here