Abrantes | Grupo de cidadãos convoca vigília em solidariedade com padre José da Graça

Grupo de cidadãos convoca vigília em solidariedade com padre afastado de Abrantes. Foto: DR

Um grupo de cidadãos convocou uma vigília para domingo, às 17:30, junto à igreja de São Vicente, em Abrantes, em “solidariedade” para com o padre José da Graça, afastado em agosto pelo bispo da diocese, depois de condenação judicial.

PUB

Em comunicado, o Movimento Social de Apoio e Reconhecimento ao Cónego José da Graça (MOSAR-CJG) apela à presença de “todos (…) que nesta causa se reveem ou estão solidários com o Reverendo Cónego José da Graça, para no próximo dia 20 de outubro [domingo], pelas 17:30, comparecerem no Adro da Igreja de S. Vicente, para uma Vigília de Apoio e expressar com calma, serenidade e elevação, a nossa solidariedade e amizade para com o nosso pastor”.

O bispo da diocese de Portalegre – Castelo Branco, Antonino Dias, tem rejeitado as pretensões destes cidadãos de Abrantes (Santarém), que constituíram o MOSAR-CJG, e que tem apelado à reintegração do padre José da Graça, de 76 anos, 34 dos quais dedicados às paróquias de São Vicente e São João, em Abrantes.

PUB

O processo de suspensão do padre José da Graça decorre da sua condenação, em 12 de junho, a cinco anos de prisão, com pena suspensa por igual período, pelos crimes de burla qualificada, burla tributária e falsificação de documentos, num esquema que terá lesado o Estado em cerca de 200 mil euros, através do Centro Social Interparoquial de Abrantes, instituição da qual era presidente.

Cerca de três centenas de cidadãos marcaram presença no dia 03 de agosto, em duas reuniões de apoio ao padre José da Graça e onde aprovaram um documento que apela à Igreja para a reintegração imediata do religioso. Foto: mediotejo.net

Em comunicado publicado na página ‘online’ da diocese, o bispo Antonino Dias confirmou que os motivos da dispensa do religioso estão relacionados com as acusações em tribunal que sobre si pendiam, tendo ainda publicado um decreto que colocou o padre José da Graça como vigário em Portalegre, e um outro decreto que nomeia o padre António Castanheira, de Alcains, para assumir as paróquias de São Vicente e São João.

PUB
Bispo D. Antonino Dias afastou padre José da Graça das paróquias de Abrantes, em processo contestado e que chegou à Congregação do Clero, em Roma. Foto: mediotejo.net

O padre José da Graça, que não acatou as decisões da diocese e se tem mantido em Abrantes, recorreu para a Congregação do Clero, em Roma, ao mesmo tempo que a posição “irredutível” do bispo tem sido criticada pelo movimento MOSAR-CJG, que já se reuniu com o responsável da diocese, para o tentar demover da decisão, mas sem sucesso.

O grupo de cidadãos diz ter colocado junto da diocese a “possibilidade” de o padre Castanheira “vir [para Abrantes] e trabalhar em conjunto com o cónego José da Graça, posição que o Bispo rejeitou de imediato”, dando ainda conta de que, “esgotadas que foram as vias negociais (…) ao MOSAR-CJG não restava outra via senão acompanhar e apoiar, como sempre, a decisão do reverendo cónego José da Graça nas petições apresentadas e no recurso interposto para a Congregação do Clero, em Roma”.

Nestas circunstâncias, e enquanto se aguarda a resposta ao recurso instruído para a Congregação do Clero, o cónego José da Graça não perde o título de pároco nem o bispo pode nomear outro, mas deixa de ter qualquer responsabilidade nas paróquias em causa.

Neste contexto, o bispo diocesano anunciou a 15 de outubro, em comunicado, a nomeação de um Administrador Paroquial “sede plena” para as Paróquias de São Vicente e de São João, do Concelho e Arciprestado de Abrantes, precisamente o padre António Castanheira, ficando com os mesmos direitos e deveres de Pároco, até à resolução final do recurso hierárquico interposto.

Movimento em Abrantes apela para reintegração de padre condenado em Tribunal. Foto: mediotejo.net

Nessa mesma informação publicada na página ‘online’ da diocese, o bispo Antonino Dias dá conta dos problemas jurídicos em curso e da suspensão das eucaristias de domingo nas paróquias de Abrantes, dia em haverá uma celebração na Igreja de São Vicente, às 18:00, para que o vigário geral da diocese, monsenhor Paulo Dias, apresente o padre António Castanheira à comunidade.

A vigília de apoio ao cónego José da Graça está marcada pelo grupo de cidadãos para o mesmo local, meia hora antes da apresentação do novo padre à população.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here