Abrantes | Fábrica da Vieira Alves em serviços mínimos por duas semanas

Com cerca de 100 trabalhadores, a fábrica da Vieira Alves Metalomecânica, SA. entre em serviços mínimos na segunda-feira

A fábrica Vieira Alves Metalomecânica, SA. (VAM) entra oficialmente em serviços mínimos por duas semanas a partir de segunda-feira, 23 de março, devido ao novo coronavírus. Esta sexta-feira já eram poucos os trabalhadores na fábrica situada na zona industrial de Abrantes, ou seja, já está em serviços mínimos. Ao que o mediotejo.net apurou, dos cerca de 100 trabalhadores apenas 10 estarão a trabalhar nas instalações da fábrica a partir de segunda-feira.

PUB

A Vieira Alves Metalomecânica foi criada em 2004, na sequência de uma estratégia de diversificação de atividade de uma empresa de cariz familiar do mesmo grupo, com o objetivo de acompanhar o crescimento do mercado da energia eólica em Portugal e na União Europeia.

A sua atividade principal é o fabrico de estruturas metálicas aplicáveis aos sectores da indústria eólica, cimenteira, vitrocerâmica e similares.

PUB

A empresa, instalada no Parque Industrial de Abrantes, decidiu laborar com a produção em serviços mínimos por duas semanas. Esse período conta oficialmente a partir da próxima segunda-feira mas, na prática, esta sexta-feira a fábrica já trabalhava a meio gás.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here