Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Novembro 28, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes | Entregues Prémios de Mérito que reconhecem melhores alunos do secundário

Os Prémios de Mérito resultam de um protocolo de colaboração estabelecido em 2012 entre a Câmara de Abrantes, a Tejo Energia e as Escolas Solano de Abreu, Manuel Fernandes e EPDRA – Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Abrantes e pretendem ser um incentivo ao mérito escolar dos alunos.

- Publicidade -

Sabe-se que “a Educação transforma pessoas. Pessoas transformam o mundo”. E foi no propósito de premiar os melhores alunos do ensino secundário das escolas de Abrantes, referentes ao ano letivo 2020/2021, que palavras como liberdade, conhecimento, união, equidade ou inclusão foram proferidas durante a cerimónia de entrega dos Prémios de Mérito que decorreu na sexta-feira, 5 de outubro, no auditório da Escola Secundária Dr. Solano de Abreu.

Tiago Marques de Matos Fernandes e Inês Isabel Martins Moço, da Escola Secundária Dr. Manuel Fernandes; Alexandre Telo Antunes Duarte e Patrícia Alexandra Agostinho Delgado, da Escola Secundária Dr. Solano de Abreu; e Mírcia Cristina Martins Basília, da EPDRA – Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Abrantes foram os alunos cujo mérito no ano letivo passado foi premiado.

- Publicidade -

A Câmara Municipal de Abrantes e a Tejo Energia asseguram anualmente a parte financeira correspondente aos prémios (1.250 euros para cada aluno), sendo que as escolas envolvidas desenvolvem o processo de seleção dos alunos, onde o critério é a obtenção da melhor média.

Câmara de Abrantes e Tejo Energia entregaram prémios de mérito a alunos das escolas do Concelho. Jorge Costa. Créditos: mediotejo.net

Jorge Costa, diretor do Agrupamento de Escolas Nº 1 de Abrantes, falou em nome dos diretores das escolas envolvidas e começou por referir que “a escola está em profunda mudança. O objetivo da escola é deixar de ser uma fábrica de alunos, privilegiando o desenvolvimento das competências individuais, da aprendizagem interativa, apostando na autonomia do aluno […] o desafio é enorme, garantir a equidade e a inclusão num tempo de grandes transformações sociais, por vezes de pobreza moral e de pouca valorização da escola por parte de algumas famílias”, sublinhou.

No entanto defendeu que “as escolas de Abrantes têm conseguido dar a formação que possibilita a muitos dos jovens serem universitários exemplares, profissionais competentes e cidadãos responsáveis”, enaltecendo “o papel fundamental que os pais têm no sucesso dos alunos”.

ÁUDIO | JORGE COSTA, DIRETOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 1:

Por sua vez, Dulce Franco, representante da Tejo Energia, sublinhou a importância de “pensar na escola como construção de um futuro”, deu ênfase ao “empenho, à vontade” e “ao objetivo definido” e que espera que “este reconhecimento seja a força que vão necessitar para continuar”.

ÁUDIO | DULCE FRANCO, REPRESENTANTE DA TEJO ENERGIA:

Câmara de Abrantes e Tejo Energia entregaram prémios de mérito a alunos das escolas do Concelho. Dulce Franco. Créditos: mediotejo.net

Por seu lado, o presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos, começou por agradecer à Tejo Energia por esta parceria e felicitou os alunos premiados, sublinhando que “o ano letivo que serve de referência à atribuição destes prémios, foi um ano letivo muito complicado para toda a comunidade escolar em que alunos, professores, auxiliares e demais trabalhadores ao serviço das instituições escolares, passaram por momentos muito complicados. Com grande coragem e resiliência, foram adaptadas rotinas, desenvolvidas formas alternativas de ensino e até construídos novos conceitos de convívio entre comunidade escolar”.

Manuel Jorge Valamatos deixou ainda um grande agradecimento aos professores e auxiliares das escolas do nosso Concelho e pediu aos alunos agora premiados que “usem essas competências para levar convosco aqueles que tiverem mais dificuldades, não os deixem para trás” falando ainda em “união” como “a marca” que os vai distinguir no futuro.

Câmara de Abrantes e Tejo Energia entregaram prémios de mérito a alunos das escolas do Concelho. Manuel Valamatos. Créditos: mediotejo.net

ÁUDIO | MANUEL JORGE VALAMATOS, PRESIDENTE CM ABRANTES:

A cerimónia iniciou com uma explicação sobre as telas criadas no auditório da escola da autoria do mestre António Soares, que representam ofícios como o serralheiro, eletricista e tecelão, seguindo-se um momento musical pelo coro do Agrupamento Nº1, que é constituído por pessoal docente, não docente e alunos, sob a orientação do professor Tiago Rodrigues.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome