- Publicidade -

Abrantes de luto | Câmara cancela concertos das Festas da Cidade

A Câmara de Abrantes cancelou todos os concertos agendados para esta noite, ultimo dia das Festas de Abrantes, devido aos trágicos incêndios que assolam o país. Também o músico David Antunes, que atuaria esta noite com os seus convidados, emitiu um comunicado referindo que “existe um tempo para tudo, e hoje é tempo para estarmos juntos e solidários com as famílias afectadas por este trágico incêndio”.

- Publicidade -

Em comunicado, que transcrevemos, pode ler-se que o município de Abrantes “associa-se à dor nacional, consequente dos trágicos incêndios de Pedrogão Grande, e por respeito a todos os que combatem e estão envolvidos nos incêndios, que assolam também o concelho de Abrantes, a Câmara Municipal decidiu cancelar todas as atividades musicais deste último dia das Festas de Abrantes. De acordo com as Bandas envolvidas, às quais agradecemos toda a compreensão e disponibilidade, ficou já decidido que os concertos serão reagendados para o dia 30 de junho, na Praça Barão da Batalha.

Por respeito a toda logística preparada e investimento realizado pelas associações do concelho, foi decidido manter abertas as tasquinhas, no Jardim da República, que servirão como estava previsto os jantares correspondentes à noite de hoje.

- Publicidade -

A Câmara de Abrantes apela ainda à população do concelho que queira contribuir com bens alimentares a favor dos bombeiros e restantes agentes da estrutura de proteção civil envolvidos nos combate às chamas em Figueiró e Pedrogão Grande. Água e fruta (preferencialmente maçãs) podem ser entregues no Quartel dos Bombeiros de Abrantes.

Tendo sido determinada a observância de luto nacional, a Bandeira Nacional encontra-se colocada a meia haste nos edifícios municipais.

A Presidente da Câmara Municipal de Abrantes expressa publicamente o seu pesar ao seu homólogo de Pedrogão Grande e manifesta profunda solidariedade com as populações atingidas.

Maria do Céu Albuquerque agradece penhoradamente, em particular aos Bombeiros de Abrantes e das restantes corporações, bem como, a todos os meios envolvidas no combate às chamas no território de Abrantes, ontem e hoje”.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -