Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Setembro 18, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes | De Inglaterra Cristina Pires chega a Rio de Moinhos numa caminhada pelos idosos

De Inglaterra a Rio de Moinhos a pé, pela criação de uma residência sénior de apoio aos idosos mais vulneráveis de Rio de Moinhos. Este foi o mote de Cristina Pires-Cox, que vive em Londres e vai cumprir 2.103 km por esta causa solidária em memória de seu pai e em nome de sua mãe, naturais desta aldeia de Abrantes.

- Publicidade -

A última etapa da caminhada solidária a que Cristina Pires-Cox se propôs cumprir para angariar fundos destinados à criação de um equipamento social para idosos, tem lugar este sábado, dia 21 de agosto, em Rio de Moinhos (Abrantes).

Com partida agendada para as 7h00 na Barragem de Castelo do Bode, esta etapa tem como meta o número 39 da Rua Direita, em Rio de Moinhos, um imóvel doado à freguesia e onde se pretende erguer o novo equipamento.

- Publicidade -

Cristina Pires-Cox, filha dos riomoinhenses Adolfo Pires e Alda Pires, vive em Londres, mas não nega as suas raízes e o carinho que nutre pela freguesia fá-la cumprir 2103 km por esta causa solidária em memória de seu pai e em nome de sua mãe.

O referido número 39 da Rua Direita, em Rio de Moinhos, é uma Quinta cuja escritura de doação foi assinada a 3 de setembro de 2020. O imóvel pertencia à benemérita Rosa Vieira da Cruz que também quis ajudar a comunidade riomoinhense ao confiar este prédio à Junta de Freguesia para fins de caráter social.

“Em fase de planeamento, o novo equipamento social será concretizado em parceria com o Centro de Apoio a Idosos da Freguesia de Rio de Moinhos e com o apoio de toda a comunidade”, informa a Junta de Freguesia em nota de imprensa.

Quem quiser associar-se a esta causa pode percorrer os últimos quilómetros desta caminhada ao lado de Cristina Pires-Cox ou aguardar a chegada à meta pelas 10h30.

Última Etapa:

07h00 / Castelo do Bode – Martinchel – Aldeia do Mato (cruzamento) – Pucariça – Rio de Moinhos / 10h30.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome