Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Outubro 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes | Concerto de Camané e Mário Laginha dia 8 em São Lourenço

“Aqui está-se sossegado” é o nome do espetáculo que Camané e Mário Laginha apresentam em Abrantes na sexta-feira, dia 8 de outubro, às 21:30, no Parque Urbano de São Lourenço.

- Publicidade -

Este espetáculo surge no âmbito do projeto intermunicipal “Caminhos Literários”, que explora os territórios ligados a António Botto, Camões e Gil Vicente e pretende disponibilizar o usufruto da arte em locais públicos e de acesso livre.

Música, literatura, cinema documental, artes visuais, conversas, residências artística, teatro e muito mais são os espetáculos que o projeto Caminhos Literários trazem aos territórios de Abrantes, Constância e Sardoal e que pretendem também ser um elemento dinamizador da economia da região, através do turismo atraído por este evento.

- Publicidade -

Samuel Úria, Ana Laíns, Joana Espadinha, Albano Jerónimo e Leonor Barata, Luís Portugal, Surma e Luís Severo são alguns dos nomes que integram o cartaz dos Caminhos Literários e cujos espetáculos serão divulgados oportunamente.

A entrada no espetáculo de Camané e Mário Laginha é gratuita, mas está sujeita ao levantamento prévio dos bilhetes no Welcome Center – Posto de Turismo de Abrantes. Os bilhetes podem também reservados através dos telefones 966 822 104 e 241 330 100 (6+4).

Todas as ações serão desenvolvidas de acordo com as regras da Direção-Geral da Saúde.

Pode consultar todo o programa AQUI

 

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome