Abrantes | CHMT abre concurso público de 1,3 ME para aquisição de equipamento de ressonância magnética

CHMT abre concurso público de 1,3 ME para aquisição de equipamento de ressonância magnética. Foto: CMA

O Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) anunciou hoje o lançamento e publicação do Concurso Público para a aquisição e instalação de um equipamento de Ressonância Magnética para o Hospital de Abrantes, um investimento perspetivado na ordem de 1,3 milhão de euros (ME).

PUB

O anúncio, segundo se pode ler em nota de imprensa, foi feito durante uma visita realizada hoje ao final da manhã às obras de beneficiação ocorridas no piso 10 da unidade de Abrantes, sem a presença de jornalistas, e durante a qual o presidente do Conselho de Administração do CHMT, Carlos Andrade Costa, anunciou que, durante a próxima semana, essa área acolherá uma enfermaria de Medicina Interna.

Juntando-se às valências já ali instaladas – Medicina Interna; Hospital de Dia; Consultas e Hospitalização domiciliária – é a primeira vez na história desta unidade que o piso 10 vai ficar ocupado na sua plenitude, cumprindo a sua função hospitalar.

PUB

Este espaço fica preparado para receber uma enfermaria de Medicina Interna, com 26 camas.

Segundo dá conta o CHMT, “a reabilitação desta nova enfermaria permite criar as condições para que a Maternidade e a unidade de neonatologia, ao regressarem à Unidade de Abrantes, ocupem a totalidade do 5º piso,  ficando desta forma protegidas e, assim, garantidas as condições de segurança para utentes e profissionais de saúde, nesta nova realidade do Covid-19, já que será reativado o antigo bloco de partos”.

PUB

Foi também anunciada a decisão de expandir a valência da Medicina Intensiva na unidade de Abrantes, de acordo com a orientação do Ministério da Saúde para aumento do número de camas nesta área, passando o 6º piso a ser totalmente dedicado a estes cuidados, “colocando o CHMT ligeiramente acima da média do país, em matéria de capacidade de cuidados intensivos à população”.

Para o presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos, citado na nota de imprensa, o lançamento de concurso público para aquisição de Ressonância Magnética é um “anúncio há muito aguardado que vem valorizar o apoio aos utentes, economizar as deslocações a hospitais privados, cujos custos eram suportados pelo CHMT, para além de ir ao encontro de uma reivindicação da comissão de utentes”.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here