Abrantes | Bombeiros regressaram a casa após ajuda a Moçambique

Os dois operacionais da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Abrantes (AHBVA) que integraram o dispositivo nacional da operação humanitária de auxílio ao povo moçambicano, coordenada pela Autoridade Nacional de Proteção Civil, regressados a casa esta terça-feira, 2 de abril, foram recebidos pelo presidente da Câmara Municipal de Abrantes no dia seguinte.

PUB

Em nome da comunidade abrantina, Manuel Jorge Valamatos agradeceu aos bombeiros José Luís Rosa e Pedro Viana e expressou “orgulho” pela forma como desempenharam a missão. “Estamos profundamente agradecidos pela dedicação e por todo o trabalho que fizeram”, sublinhou o presidente.

Bombeiros de Abrantes regressaram da ajuda a Moçambique. Créditos: CMA

PUB

Como forma de homenagem e reconhecimento pela ação de ambos, o presidente entregou a cada um a serigrafia intitulada “Abrantes – Cidade Intemporal”, da autoria do pintor Álvaro Mendes.

Estiveram também presentes, a vereadora Celeste Simão; a coordenadora operacional municipal, Inês Mariano; o presidente da AHBVA, João Furtado e o comandante dos Bombeiros, António Jesus.

PUB
PUB
Paula Mourato
A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).