Terça-feira, Março 2, 2021
- Publicidade -

Abrantes | Biblioteca Municipal retoma iniciativa de contar histórias ao telefone

“Uma história só para si!” é a atividade que a Biblioteca Municipal António Botto, em Abrantes, promoveu pela primeira vez no passado mês de dezembro mas que, devido ao sucesso e adesão que teve, vai ser retomada já esta segunda-feira, dia 8 de fevereiro.

- Publicidade -

Como funciona? Recorda-se? Os interessados em ouvir uma história contada ao telefone, deverão inscrever-se através do número 963 827 939, nos dias úteis, entre as 10h00 e as 14h00, e escolher a melhor hora para escutar as palavras que preparámos para si.

Todos os meses, haverá um tema associado que, neste mês de fevereiro, será o Amor.

- Publicidade -

Esta atividade dirige-se a todas as pessoas, dos 0 aos 100 anos, que gostem de ouvir histórias e irá decorrer de terça a sexta-feira, das 10h00 às 12h00 e das 17h00 às 21h00. Cada história a contar será uma surpresa, mas como este mês de fevereiro celebra o Amor, a Biblioteca António Botto tem bonitas histórias de amor para oferecer.

À distância de uma chamada, a Biblioteca oferece uma história, um conto, um poema, uma carta de amor… para si ou para oferecer a alguém.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).