Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Outubro 22, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes | Associação ‘Rossio Con Vida’ solidária com ambientalista da proTEJO

A direção da Associação ‘Rossio Con Vida’, de Rossio ao Sul do Tejo, Abrantes, manifestou hoje publicamente o seu apoio e solidariedade ao ambientalista Arlindo Consolado Marques, conhecido por “Guardião do Tejo”, tendo afirmado que “qualquer ato persecutório injusto contra o ativista ambiental Arlindo Consolado Marques será considerado uma ofensa a todos os rossienses”.

- Publicidade -

Em causa, segundo se pode ler no processo que a Celtejo – Empresa Celulose do Tejo, SA, instalada em Vila Velha de Rodão, instaurou a Arlindo Marques, guarda prisional de profissão e conhecido no distrito de Santarém como o “guardião do Tejo”, estão “afirmações que têm por objetivo gerar na opinião pública a ideia de que a autora [do processo] é responsável, ou co-responsável, pela alegada poluição do rio Tejo”, e reclama do réu 250 mil euros acrescidos de juros de mora até integral pagamento para “compensar a autora pelos danos sofridos por causa da ofensa cometida”.

Em comunicado, a associação da ‘Rossio Con Vida’, presidida por António José Morgado, refere que a decisão do apoio público resultou de uma reunião que decorreu a 28 de dezembro e que a mesma assenta no “extraordinário trabalho que [Arlindo Marques] tem levado a cabo em defesa do Rio Tejo, trabalho esse que o tem tornado alvo de perseguições e ameaças por parte de alguns agentes poluidores”.

- Publicidade -

“Considerando que o Rio Tejo constitui um recurso vital da humanidade e, em particular, dos territórios e populações ribeirinhas a que pertence o Rossio ao Sul do Tejo, a direção da Associação Rossio Con Vida entende que qualquer ato persecutório injusto contra o ativista ambiental Arlindo Consolado Marques será considerado uma ofensa a todos os rossienses”, pode ler-se no documento.

A direção da Associação Rossio Con Vida finaliza a missiva, exortando “toda a população do Rossio a empenhar-se ainda mais na proteção e valorização do Rio Tejo e seus afluentes, adotando o lema “Somos Todos Arlindo!”, e informa que irá analisar a possibilidade de adesão da Associação Rossio Con Vida à “Plataforma proTejo”, contribuindo desta maneira para reforçar as iniciativas ambientalistas em defesa da Bacia Hidrográfica do Tejo.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome