Abrantes | António Hilário é o novo presidente do Núcleo de Abrantes da Liga dos Combatentes

António Hilário é o novo presidente do Núcleo de Abrantes da Liga dos Combatentes. Foto: mediotejo.net

António Hilário, 50 anos, é o novo presidente do Núcleo de Abrantes da Liga dos Combatentes, substituindo no cargo Sérgio Augusto de Matos, que exerceu mandato durante os últimos cinco anos no Núcleo que conta com 2045 sócios e que abrange os municípios de Abrantes, Constância, Sardoal, Mação, Gavião, Vila de Rei e Ponte de Sor.

PUB
Sérgio Matos (à dirtª) passa o testemunho da presidência do Núcleo de Abrantes da Liga dos Combatentes a António Hilário. Foto: mediotejo.net

Tenente Coronel de Artilharia na reserva, António Hilário disse ao mediotejo.net ser “uma honra” e “um desafio” assumir este cargo tendo apontado como objetivo o “continuar a desenvolver o excelente trabalho preconizado pela direção cessante”.

Sérgio Matos, por sua vez, destacou o trabalho de equipa que permitiu ao grupo que liderou “evocar memórias, inaugurar monumentos e memoriais aos combatentes em Sardoal, Ponte de Sor e Tramagal”, por exemplo, tendo destacado ainda o trabalho de proximidade no “apoio aos antigos combatentes nas mais variadas áreas e setores”, como encontros convívio, passeios pedestres, cuidados de saúde e apoio social, entre muitos outros.

PUB

O 94º aniversário do Núcleo de Abrantes da Liga dos Combatentes assinala-se no próximo dia 29 de setembro, em Abrantes.

O núcleo abrantino foi fundado a 29 de setembro de 1923 como uma das oito sub-agências da então chamada Liga dos Combatentes da Grande Guerra e teve como primeiro presidente Tiago Dias do Nascimento.

PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here