Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Trincanela

Sábado, Julho 24, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes: Chuvas impedem conclusão das obras esta semana no tabuleiro da ponte

A reabertura total ao trânsito no tabuleiro da Ponte Rodoviária que liga Abrantes ao Rossio ao Sul do Tejo já não vai acontecer esta sexta-feira, dia 15 de abril, tal como tinha anunciado no final do passado mês de março a Infraestruturas de Portugal (IP).

- Publicidade -

Segundo fonte da Infraestruturas de Portugal, “ devido às chuvas condições climatéricas adversas que se fazem sentir ainda não foi possível impermeabilizar o tabuleiro da ponte. Para levar a cabo o trabalho de impermeabilização com alcatrão é necessário que não chova o que não está previsto para os próximos dias”, referiu ao mediotejo.net a mesma fonte da IP.

“Há material de impermeabilização que só pode ser colocado com tempo seco, é uma questão de dias e basta parar de chover para que se concluam os trabalhos e se levantem todas as restrições à circulação”, notou.

- Publicidade -

 

Recorde-se que a reabertura total ao trânsito na ponte esteve agendada para o final do passado mês de março, mas no dia 31 desse mês, a Infraestruturas de Portugal anunciou que as obras se iriam prolongar até dia 15 de abril de 2016 devido a “dificuldades inesperadas na aplicação dos cabos de pré-esforço na ponte, condição necessária para que sejam eliminadas todas as restrições à circulação” e que “serão mantidos os atuais condicionamentos previsivelmente até ao final da segunda semana do próximo mês de abril”.

As obras de requalificação da ponte rodoviária de Abrantes, orçadas em 2,9 milhões de euros, começaram em setembro de 2014 e tinham um prazo de execução de 18 meses, que apontava para novembro de 2015. Depois de um anúncio de prolongamento das obras por mais três meses, surgiu um segundo adiamento que apontava para final do mês de março a reabertura total ao trânsito o que não se veio a verificar, anunciando o final da segunda semana de abril como data prevista de restabelecimento da circulação total no tabuleiro da ponte.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here