Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Julho 29, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Abrantes: 7.ª edição da Festa da Marioneta com espetáculos diversificados

Abrantes é uma das onze localidades que integram a 7.ª edição da Festa da Marioneta, da associação cultural Artemrede, que decorre até 28 de novembro por todo o país.

- Publicidade -

Durante cerca de dois meses, o público da Artemrede poderá assistir a oito espetáculos de teatro, dança e música para todas as idades, no total de 34 sessões.

O Cineteatro São Pedro recebe, a 17 de outubro, apresentação inédita em Portugal de “Paper Bubles”, pelos catalães Múcab Dans.  Este é um espetáculo que rompe com as fronteiras entre as linguagens artísticas e cruza dança, música e multimédia, envolvendo o público numa viagem alucinante pelo mundo das bolhas, de todos os formatos, tamanhos e materiais. “Paper Bubles”, destinado a crianças dos 3 aos 12 anos, tem início marcado para as 10h30 e o bilhete custa 1€.

- Publicidade -

Ainda inserido na Festa da Marioneta, haverá em Abrantes, a 21 de novembro, o espetáculo “Descobridores”, do Teatro e Marionetas de Mandrágora, que promete transportar o pequeno público numa viagem de cores, texturas e sons, em busca do significado da palavra maternidade em distintas culturas – Portugal, Brasil, Índia, Timor, África e China. Dirigido e interpretado por Filipa Mesquita, “Descobridores” tem música de Fernando Mota e cria-ção plástica de Vânia Kosta.

Este espetáculo terá duas sessões: às 15h30 para crianças dos 0 aos 2 anos e depois, às 17h30  para crianças dos 2 aos 5 anos.

Além de Abrantes, a Festa da Marioneta passa por Alcobaça, Almada, Barreiro, Moita, Montijo, Oeiras, Palmela, Santarém, Sesimbra e Sobral de Monte Agraço.

Tem 28 anos e um irmão gémeo. Há 10 anos que o jornalismo se lhe
entranhou na vida, no dia a dia. As artes e os espetáculos, os livros, o
cinema, o teatro e a dança são os seus maiores interesses. Conciliá-los
com o jornalismo é ser feliz a fazer aquilo de que se gosta.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome