Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Julho 27, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Trincanela

À descoberta/EN2: Filipe Oliveira chega a Bemposta depois de 400 km a pedalar

Decidido a conhecer a Estrada Nacional nº2 e a percorrer de bicicleta os mais de 730 quilómetros que unem Chaves a Faro pela maior estrada nacional, Filipe Oliveira, 36 anos, chegou no domingo à Bemposta, em Abrantes, onde foi recebido em festa pelos amigos e populares. Hoje cedo rumou a Montemor, estando a chegada à cidade de Faro programada para quarta-feira. Filipe Oliveira diz que a beleza da EN2 só é comparável à mítica route 66 norte-americana.

- Publicidade -

“Este acolhimento na minha terra e pela minha gente surpreendeu-me pela positiva, não esperava tanta gente a acompanhar-me de bicicleta de Abrantes até à Bemposta. É uma verdadeira demonstração de amizade”, disse Filipe Oliveira ao mediotejo.net, depois de ter percorrido mais de 400 km, entre Chaves e Bemposta.

FO1
A iniciativa de Filipe Oliveira foi exaltada pelo Bemposta Futebol Clube que lhe quis fazer uma pequena homenagem, antes do jogo de apresentação. Foto: DR

- Publicidade -

Pouco faltava para a hora de almoço quando um grupo de amigos foi esperar Filipe Oliveira a Alferrarede, uns de bicicleta, outros de mota, outros ainda de carro, e acompanharam-no até à Sociedade Recreativa e Musical de Bemposta (SRMB), coletividade que Filipe preside, onde o esperava um almoço de confraternização. Antes de descansar para hoje cedo prosseguir a sua aventura, o Bemposta Futebol Clube quis ainda fazer uma pequena homenagem, antes do jogo de apresentação com a equipa de São Miguel do Rio Torto.

Ali, Filipe Oliveira foi convidado não para pedalar mas para dar o pontapé de saída neste jogo amigável.

FO3
Na Sociedade Recreativa e Musical de Bemposta (SRMB), coletividade que Filipe preside, esperava-o um almoço de confraternização. Foto: DR

“Já está percorrido mais de metade do percurso da EN2 e devo dizer que é espetacular conhecer desta forma as diferentes regiões do nosso país”, destacou, tendo afirmado sentir-se bem, “física e mentalmente”.

Apaixonado pelo desporto, turismo e bicicletas, Filipe Oliveira começou a percorrer sozinho, na quinta-feira, dia 1, a mítica Estrada Nacional 2 (EN2), a estrada que liga o norte ao sul de Portugal, com o quilómetro zero em Chaves, e a chegada a Faro, 738 quilómetros depois.

“A viagem está a correr melhor do que eu esperava inicialmente. É duro, mas sinto-me bem, e isso é o mais importante”, afirmou, tendo destacado que a dureza da viagem turística é suplantada pelas belezas das localidades por onde vai parando.

“Os pontos mais difíceis foram na subida de Góis, de Peso da Régua a Lamego e à saída de Lamego. Quando comecei essa etapa, às 6:30, fiz logo uma subida de 1 hora e 17 minutos”, lembrou no domingo, à chegada a Bemposta.

“Gosto de andar de bicicleta e esta aventura vai permitir que eu conheça por dentro a nossa EN2, que é assim como a famosa ‘route 66’ nos Estados Unidos, aliando o prazer da descoberta ao pedalar. Parti de Chaves às 6:30 da manhã de sexta-feira, sem stress, porque não estou em competição. A viagem é para durar 7 dias, à razão de 100 km/dia, e vou parar para desfrutar das cidades e localidades por onde vou pernoitando”, contou ao mediotejo.net este gestor e associativista de 36 anos, depois de concluir a primeira etapa, e já depois de chegar a Lamego.

Filipe Oliveira, que também é presidente da direção da Sociedade Recreativa e Musical de Bemposta (SRMB), partiu sozinho de bicicleta para esta aventura, apesar dos convites aos amigos mais próximos, mas tem um carro de apoio para esta maratona turística em bicicleta.

FO4
Pouco faltava para a hora de almoço quando um grupo de amigos foi esperar Filipe Oliveira a Alferrarede, uns de bicicleta, outros de mota, outros ainda de carro: Foto: DR

A chegada a Faro está prevista para quarta-feira onde espera chegar bem e ficar uns dias “a usufruir”.

A Estrada Nacional 2 é a maior em território nacional e a terceira maior do mundo, com mais de 730 kms de extensão. Na região do Médio Tejo, a Estrada Nacional 2 atravessa os concelhos de Abrantes, Sertã, Vila de Rei e Sardoal.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here