Especial Mação | Nos trilhos da cascata natural do Pego da Rainha, Envendos (c/vídeo)

Aos pés da aldeia de Zimbreira, na freguesia de Envendos, Mação, há um pedaço de paraíso escondido dos olhos de quem não faça por conhecê-lo. Seguindo a sinalização é relativamente fácil lá chegar. Mas prepare-se para caminhar, pedalar ou conduzir por longos trilhos de caminho rupestre. Afinal… o que seria da vida sem um pouco de aventura? Venha daí, conhecer um pouco de Mação profundo. Prometemos que vale a pena o esforço!

O mediotejo.net tem vindo a destacar alguns pontos de uma rota de locais aprazíveis a conhecer nesta altura de calor, férias, convívio entre amigos e viagens em família. É certo que já deve conhecer muitos locais tidos como ícones do turismo na região do Médio Tejo… Mas e que tal descobrir um pouco mais do que o Interior tem para nos dar? Foi por isso que viajámos até às profundezas do concelho de Mação, junto à fronteira com o distrito de Portalegre e com o distrito de Castelo Branco.

Seguindo pela Estrada Nacional 3, atravessando a freguesia de Envendos, até chegar à Zimbreira, depois de meia hora de caminho, eis que encontramos uma placa que indica Pego da Rainha.

Atravessando-se uma ponte estreita, deparamo-nos com um estradão que nos obriga a subir com precaução até voltarmos a encontrar a placa indicativa de Circuito Rupestre “Pego da Rainha”. Entretanto, já havíamos passado pela placa do Circuito Rupestre Lithos.

Circuitos rupestres? Sim! Caso não saiba, a envolvência da aldeia de Zimbreira tem sido palco de escavações e expedições arqueológicas ao longo das últimas décadas, especialmente no Castelo Velho da Zimbreira, que fica a cerca de 500 metros de altitude. Aqui, tal como em muitas aldeias maçaenses, existe uma grande bagagem arqueológica que marca a Idade do Bronze.

O Pego da Rainha poderá fazer parte de um dos locais de paragem entre muitos trilhos possíveis para fazer a pé, praticar BTT e passear com veículos todo-o-terreno. E, sabemos nós, que costumam por ali passar adeptos de geocaching, bem como grupos organizados de escalada do concelho de Mação.

Mas vamos ao que realmente interessa. Para combater o calor, nada melhor que recarregar baterias, trepando do lado direito da cascata que se apresenta à nossa frente, depois de atravessado um riacho, e ali guardada pelas paredes rochosas.

Entramos numa dimensão amazónica, que refresca a temperatura do corpo pela sombra e pela água que brota da nascente. Água límpida, vegetação verdejante e árvores de grande porte, a fazer companhia num sítio que permite uma estadia relaxante com duas mesas de piquenique.

O pego, propriamente dito, não é muito grande, mas convida a uns quantos mergulhos. Para os mais destemidos – e assistimos a essa aventura – existe uma rocha a servir de prancha.

A área envolvente é rica em fauna e flora, avistando-se de quando em vez famílias de grifos a sobrevoar, aproveitando os conjuntos rochosos para fazerem os seus ninhos.

Lá do alto do estradão avista-se o rio Ocreza, e a cerca de 4 km da aldeia de Zimbreira, localiza-se a Barragem da Pracana.

Diga a verdade… ficou curioso, não ficou?

Então espreite a galeria de fotografias, porque já diz o velho ditado: “Uma imagem vale por mil palavras”. Assim que tiver oportunidade, aventure-se. Parta à descoberta!

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

4 COMENTÁRIOS

  1. Conheço muito bem!! É realmente um paraíso, é pena se algum dia tentarem “mexer” em alguma coisa, tentando melhorar, porque não o irão conseguir, o sitio já é perfeito (qualquer tentativa de modificar, só vai piorar)

  2. É um espaço muito bom e agradável de se estar. É excelente para se fazer um passeio TT ou de moto 4 ou 2 rodas como costumo fazer com um grupo de familiares ou amigos até chegar ao Pego da Rainha e depois um belo de um mergulho!!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here