Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quarta-feira, Junho 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

À Descoberta | Fauna e Flora do Médio Tejo

A coroa dourada e o bico vermelho, no macho desta espécie, faz do Pato-de-bico-vermelho (Netta rufina) um dos patos mais chamativos que podemos encontrar nas nossas lagoas.

- Publicidade -

Os machos são inconfundíveis, possuindo uma cabeça em tons dourados e alaranjados, e um bico vermelho, bastante contrastante com o peito preto. Os flancos claros, e a cauda escura compõem as restantes características distintivas.

Já as fêmeas e os jovens possuem como marcas mais distintivas as bochechas claras e uma coroa castanho escura, sendo o dorso mais escurecido contrastante relativamente aos flancos claros.

- Publicidade -

Espécie pouco comum, sendo a sua distribuição bastante localizada. Pode ser encontrada durante todo o ano. Os números variam pouco entre o período estival e o Inverno. Este pato pode ser encontrado em lagoas e albufeiras, sobretudo aquelas que possuem bom desenvolvimento de vegetação nas margens.

Tem o estatuto de “Em Perigo” para a população residente e de “Quase ameaçado” para os indivíduos em invernada.

Na região do Médio Tejo há registos isolados em pequenas superfícies aquáticas interiores e é presença habitual no Paúl do Boquilobo e no Rio Tejo na região do Tramagal/Rio de Moinhos.

Fonte: “Aves de Portugal”
Exemplar fotografado no Tramagal.

Nasceu a 30 de Janeiro de 1961 em Lisboa e cresceu no Alentejo, em Santiago do Cacém. Dali partiu em 1980 para ingressar no Exército e no Curso de Enfermagem. Foi colocado em Santa Margarida e por aqui fez carreira acabando por fixar-se no Tramagal em 2000. A sua primeira ligação à Vila "metalúrgica" surge em 1988 como Enfermeiro do TSU. Munido da sua primeira câmera digital, em 2009 e com a passagem à situação de reserva, começou a registar a fauna do Vale do Tejo, a natureza e o património edificado da região, as ruas, as pessoas... Com colaborações regulares em jornais da região e nacionais este autodidata acaba por conseguir o reconhecimento público, materializado em alguns prémios. Foi galardoado na 8ª Gala de Cultura e Desporto de Tramagal na categoria de Artes Plásticas (Fotografia) em 2013.

- Publicidade -
- Publicidade -

COMENTÁRIOS

Please enter your comment!
O seu nome