Tramagal | Tuna evoca memória da Cooperativa Operária Tramagalense

Esta fotografia tem 53 anos. Em 9 de janeiro de 1966 a D. Maria Basto Duarte Ferreira inaugurava as novas instalações da Cooperativa Operária Tramagalense. Reconhece-se na foto o filho, Rui Duarte Ferreira e o irmão, Mário Basto. Foto: Tuna Tramagalense

A Tuna Tramagalense promove este sábado, dia 21 de setembro, no “Ciclo de Cultura Local”, a evocação da Cooperativa Operária Tramagalense, que se extinguiu há algumas décadas. A Cooperativa Operária Tramagalense, de Crédito e Consumo (COT), fundada em 18 de março de 1917, foi uma importante instituição tramagalense, no plano económico e social, durante grande parte do século XX.

PUB

A evocação da Cooperativa Operária Tramagalense vai decorrer este sábado, às 17:40, no salão da Tuna (edifício do TTL) com início e concentração pelas 16:30, no Largo da Igreja, para a colocação de duas “Placas Culturais”, a primeira das quais no edifício das instalações originais da COT, na Rua da Fundição Velha, e uma outra no Edifício Sede e Espaço Comercial, últimas instalações da COT, junto à sede da Junta de Freguesia de Tramagal.

Em nota de imprensa, a Tuna Tramagalense refere que a iniciativa decorre do “Ciclo de Cultura Local”, que já deu destaque aos tramagalenses na Grande Guerra e à Caixa de Previdência de Tramagal, e salientou a importância de “deixar registos para a história, em especial quando ainda estão entre nós alguns dos tramagalenses que participaram nos órgãos sociais, designadamente direções, e/ou que foram empregados da COT”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here