Torres Novas | Casimiro Pereira, “fiquei sempre muito aquém do que gostava de ter feito”

Segundo presidente de Torres Novas depois do 25 de abril, Casimiro Pereiro foi homenageado pelos Bombeiros Torrejanos Foto: mediotejo.net

Na sequência do lançamento da obra “Memórias Políticas – um autarca no concelho e no país (1974/1987)” do ex-presidente de Torres Novas, Casimiro Pereira, e do seu anúncio que os lucros do livro reverteriam para os Bombeiros Torrejanos, a instituição deliberou homenagear o antigo autarca com a distinção de sócio honorário, tendo também entregue a medalha de ouro dos Bombeiros. No sábado, 26 de janeiro, Casimiro Pereira mostrou-se algo constrangido com a distinção, comentando que gostaria de ter feito muito mais pelo concelho.

PUB

A breve sessão que teve lugar no quartel dos Bombeiros Torrejanos contou com a presença de vários autarcas locais, de várias cores políticas. Coube ao presidente dos Bombeiros, Arnaldo Santos, explicar os motivos pelos quais se optara pela data para distinguir Casimiro Pereira, adiantando que se deveu ao fim do mandato dos atuais órgãos sociais no final de janeiro.

Homenagem a Casimiro Pereira em Torres Novas

Publicado por mediotejo.net em Sábado, 26 de janeiro de 2019

Recordando a carreira autárquica de Casimiro Pereira, o responsável lembrou o contributo deste para a construção do quartel do Bombeiros Torrejanos, o primeiro edifício próprio que a instituição teve, em 1985. “Casimiro Pereira provou que era uma acérrimo defensor do associativismo e dos seus dirigentes”, afirmou.

Também o presidente da assembleia-geral dos Bombeiros, Abel Caldas, elogiou o trabalho do ex-autarca, nomeadamente o seu interesse particular pela Proteção Civil e pelas corporações de Bombeiros. “Nem todos os municípios interpretam isto como Casimiro Pereira”, refletiu.

PUB

Reconhecendo-se “constrangido”, Casimiro Pereira comentou que sempre procurou cumprir o seu dever perante aqueles que o elegeram e que sente que “nunca fiz aquilo que gostava de ter feito, fiquei sem muito aquém”. “Nós só temos que corresponder a essa delegação de competências, tentar apoiar o que é bom para a comunidade”, afirmou, salientando o compromisso que sempre procurou manter com o associativismo.

Casimiro Pereira recebeu o diploma de sócio honorário e a medalha de ouro dos Bombeiros Torrejanos. No final da sessão assinou mais alguns exemplares das suas “Memórias Políticas”, a pedido de vários presentes que aproveitaram para adquirir a obra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here