Tomar | Anabela Freitas de “consciência tranquila” com processo em Tribunal

Câmara Municipal de Tomar. Foto: mediotejo.net

A presidente da Câmara Municipal de Tomar, Anabela Freitas, está a braços com um processo em Tribunal em que é acusada de ter pago uma sanção com dinheiro do município. A autarca confirmou ao mediotejo.net ter recebido em abril a notificação para apresentar defesa, tendo referido estar de “consciência tranquila” e de ter provas que efetuou o pagamento da sua conta pessoal.

PUB

“Este é um processo que entrou em Tribunal em 2016 e recebi há umas semanas (em abril de 2019) uma notificação para apresentar defesa sobre uma situação de alegado dolo”, disse a presidente da autarquia. “Efetivamente o processo existe, tenho provas que paguei da minha conta pessoal, e estou de consciência tranquila, pelo que vou apresentar a minha defesa no âmbito de um processo que segue os seus trâmites legais”, disse a autarca, garantindo que nunca se apropriou de dinheiros municipais.

Em causa está uma sanção pecuniária compulsória, no valor de pouco mais de 2 mil euros, aplicada pelo Tribunal Administrativo e Fiscal de Leiria na sequência da falta de respostas do município em tempo útil a requerimentos apresentados por um cidadão, que reclamava por acessos à albufeira de Castelo de Bode e que a acusação diz ter sido paga com um cheque do município.

Anabela Freitas reitera estar de consciência tranquila e disse ao mediotejo.net não querer alongar-se mais sobre o assunto uma vez que o processo está a seguir os trâmites legais.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here