Sertã | Gala homenageia acordeonista Eugénia Lima e promove acordeão

Gala Eugénia Lima este sábado na Sertã. Foto: DR

“Homenagear a acordeonista Eugénia Lima e promover o acordeão como instrumento típico da Música Popular Portuguesa” são os objetivos da 9ª edição da Gala Eugénia Lima a realizar no sábado, dia 23, pelas 21.30 horas, na Casa da Cultura da Sertã.

PUB

Esta edição conta com diversos convidados de renome como o projecto Ciranda com a acordeonista Inês Vaz e o trompetista Gileno Santana, Francisco Monteiro, Catarina Brilha e José Cláudio, Vasco Miguel, David Antunes e João Miguel, enaltecendo a qualidade e versatilidade deste instrumento musical e transmitindo o legado da “Diva do Acordeão”.

A Gala Eugénia Lima tem entrada livre e apresentação de Graça Silva.

Nascida em Castelo Branco em 1926, Eugénia Lima iniciou a sua vida artística aos quatro anos no Teatro Vaz Preto em Castelo Branco. Ao longo da sua carreira, fez vários espetáculos, quer em Portugal, quer no estrangeiro, passando ainda pela televisão. Diplomada com o Curso Superior de Acordeão (categoria de professora) pelo Conservatório de Acordeão de Paris, Eugénia Lima fundou a Orquestra Típica Albicastrense, gravou inúmeros discos e compôs temas para vários artistas consagrados.

Foi agraciada com diversos prémios e distinções, de onde se destacam o “Óscar da Imprensa” (1962), “Dama da Ordem Militar de Santiago da Espada” (1980), Diploma Honorífico atribuído pela União Nacional dos Acordeonistas de França (1984), “Mérito Cultural” (1986) e “Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique” (1995). Faleceu a 4 de abril de 2014.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here