Santarém | Miguel Borges (Sardoal) é o novo presidente da Comissão Distrital de Proteção Civíl

Miguel Borges (Sardoal) é o novo presidente da Comissão Distrital de Proteção Civíl. Foto: DR

O presidente da Câmara Municipal de Sardoal, Miguel Borges, é o novo presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil do Distrito de Santarém, tendo o seu nome sido indicado pela Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT) para substituir no cargo a socialista Maria do Céu Albuquerque, que tomou posse como secretária de Estado do Desenvolvimento Regional. Miguel Borges, autarca eleito pelo PSD, foi hoje nomeado pela Associação Nacional dos Municípios Portugueses.

PUB

“É com enorme Honra que acabo de receber a nomeação, pela Associação Nacional dos Municípios Portugueses, de Presidente da Comissão Distrital de Proteção Civíl. Um cargo que desempenharei com elevado sentido de Serviço Público”, comentou esta sexta-feira Miguel Borges na sua página pessoal.

Em declarações ao mediotejo.net, o autarca disse ser “uma honra e um desafio assumir a funções de presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil, uma área que me tem sido muito próxima”, notou. Miguel Borges detinha o pelouro da Proteção Civil na CIMT, pelo que é com “naturalidade” que vê o seu nome ter sido o indicado pelos autarcas do Médio Tejo.

Miguel Borges (Sardoal) é o novo presidente da Comissão Distrital de Proteção Civíl. Foto: DR

“Os meus pares entenderam que devia ser eu o nomeado para o cargo e que era a pessoa com perfil para desempenhar estas funções, e agradeço a confiança que depositaram em mim numa missão em que vou ser, não só, um observador privilegiado, como ter um papel interventivo importante numa área em que tenho conhecimento sustentado e opinião formada”, afirmou.

Instado a comentar a célebre frase em que defende que a proteção civil está assente em pés de barro, Miguel Borges manteve a sua opinião tendo feito notar que quer “ajudar a transformar os pés de barro em pilares de aço”.

PUB

Nos termos do disposto na Lei de Bases da Proteção Civil, e após a extinção dos governos civis, a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) passou a designar três representantes dos Municípios para integrarem estas comissões.

Em outubro de 2015, a ANMP designou a Presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Maria do Céu Albuquerque, a presidir à Comissão Distrital de Proteção Civil do Distrito de Santarém, nomeada em fevereiro para integrar o Governo de António Costa, e que agora é substituída no cargo por Miguel Borges.

Integram ainda a comissão os presidentes da Câmara Municipal de Almeirim, Pedro Miguel Ribeiro e o Presidente da Câmara Municipal de Santarém, Ricardo Gonçalves, ambos da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo.

Miguel Borges detinha o pelouro da Proteção Civil na CIMT, pelo que é com “naturalidade” que vê o seu nome ter sido o indicado pelos autarcas do Médio Tejo. Foto: DR

Em cada distrito existe uma comissão distrital de proteção civil, à qual compete acompanhar as políticas diretamente ligadas ao sistema de proteção civil que sejam desenvolvidas por agentes públicos e determinar o acionamento dos planos, quando tal se justifique.

Integram também a respetiva comissão distrital o comandante operacional distrital, as entidades máximas, ou seus representantes qualificados, dos serviços desconcentrados dos vários ministérios, os responsáveis máximos pelas forças e serviços de segurança existentes no distrito, um representante do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e um representante da Liga dos Bombeiros Portugueses e um representante da Associação Nacional dos Bombeiros Profissionais.

O atual Comandante Operacional Distrital (CODIS) é Mário Silvestre, reconduzido no cargo a 31 de março de 2017, em comissão de serviço, para mais três anos à frente do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém.

Oficial do Exército durante oito anos e diretor financeiro no extinto Estabelecimento Prisional de Santarém, Mário Silvestre, licenciado em gestão de empresas e pós-graduado em higiene e segurança no trabalho, foi comandante dos Bombeiros Municipais do Cartaxo durante 7 anos, tendo saído em junho de 2013 para liderar o CDOS de Santarém.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here