Santarém | Governo quer posições conjuntas para defesa da produção e da saúde animal e vegetal

O secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural defendeu hoje, em Santarém, a importância de se articularem “esforços conjuntos e posições” para a defesa da produção e da saúde animal e vegetal. Foto: MA

O secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Rural defendeu hoje, em Santarém, a importância de se articularem “esforços conjuntos e posições” para a defesa da produção e da saúde animal e vegetal. Nuno Russo participou hoje na sessão de encerramento do 55.º encontro Luso-Espanhol de zoosanidade e fitossanidade agrária.

PUB

“Estes encontros também servem para se articularem esforços conjuntos e posições a assumir nos diferentes grupos de trabalho em Bruxelas, especialmente, naquelas matérias que são de grande interesse para a agricultura e a pecuária ibérica”, afirmou o secretário de Estado durante a sessão, de acordo com um comunicado do Ministério da Agricultura.

Para o governante, “as ameaças do presente não diferem muito das que se foram sucedendo ao longo de mais de meio século”.

Segundo o mesmo documento, no encontro, foram debatidas questões sanitárias como o controlo e erradicação de brucelose bovina, ovina e caprina nas diferentes regiões de Portugal e contíguas de Espanha, a erradicação da tuberculose bovina nos dois países, bem como a peste suína africana na União Europeia e na Ásia e o reforço das medidas preventivas.

Em cima da mesa, conforme apontou o Governo, esteve ainda o debate de temas como as estratégias de combate e as ameaças sanitárias que afetam espécies de interesse agronómico, como a batateira, os citrinos ou os castanheiros, bem como questões relacionadas com o uso menor de produtos fitofarmacêuticos em plantas ornamentais e florestais.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here