“Parar e recomeçar”, por Vasco Damas

Foto: Pixabay

Passamos a vida a correr. Corremos, corremos, corremos e quase sem percebermos a vida vai-nos passando ao lado. Desgastamos-nos com o acessório, esquecemos o que é prioritário e muitas vezes já não vamos a tempo de recuperar o tempo perdido. Falácia dos tempos modernos onde a velocidade da evolução nos permite ter acesso a quase tudo mas acaba por não nos deixar tempo para quase nada.

PUB

Quando temos a felicidade de reconhecer esta realidade ainda vamos a tempo de resgatar a vida que ainda nos falta viver. Parando, recomeçando, voltando a viver com a consciência que isso é muito mais que apenas correr para sobreviver e que este foi o melhor presente que nos foi dado à nascença.

Uma vida para construirmos uma obra distinta que seja identificada pelo cunho pessoal da nossa assinatura onde temos a faculdade de contagiar positivamente com base em valores assentes no respeito, na verdade, na amizade.

Encontramos com facilidade argumentos para a nossa falta de tempo mas raramente mostramos vontade de encontrar soluções para dar mais tempo ao nosso tempo. Viver também é optar, muitas dessas opções dependem da nossa vontade e essa vontade está muitas vezes relacionada com a felicidade, ou falta dela, na vida de cada um de nós.

É fundamental termos esta consciência antes de perdermos ainda mais tempo a lamentar a falta de tempo e as injustiças da vida. Sejamos positivos, arregacemos as mangas olhando para as oportunidades nas dificuldades e voltemos a ser os donos do nosso destino, porque ao contrário do que dizem, o destino também se constrói e ele será muito daquilo que nós quisermos que ele seja.

PUB

A vida não é fácil mas nós temos a chave para a simplificarmos. Tenhamos esta consciência. Deixemos de correr e comecemos a estar mais tempo nos locais onde se constrói a nossa felicidade. Passemos a olhar o que nos rodeia com outra tranquilidade e tenhamos a capacidade de saborear lentamente os bons momentos da vida. Valorizemos o que é de facto importante e saibamos sorrir com mais frequência. Parar e recomeçar. Pela felicidade de cada um de nós.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here