Médio Tejo: Sugestões amorosas para o fim-de-semana

O dia mais romântico do ano deve o nome ao bispo que continuou a celebrar casamentos em segredo depois do imperador romano Cláudio II, O Gótico, ter abolido a sua realização como estímulo ao alistamento militar. Hoje Santo reconhecido, São Valentim foi punido e decapitado na data celebrada por todo o mundo com corações e flores. Apesar do desfecho trágico, no próximo domingo, dia 14 de fevereiro, o amor volta a estar no ar no Médio Tejo e inspirou atividades para miúdos e graúdos durante o fim-de-semana.

PUB

PUB

A manhã de sábado começa com “Bilhetinhos de Namorados” na Biblioteca Municipal António Botto, em Abrantes. O livro infantil com texto de Virginie Hanna e ilustrações de Véronique Hermouet aborda a ternura dos afetos entre crianças nos primeiros anos de escola e foi a escolha para mais uma sessão da “Biblioteca ao Sábado com a Fábrica d’Estórias”, a partir das 11h00. Além dos “bilhetinhos” a cidade desafia os transeuntes a perpetuarem o amor numa das várias molduras espalhadas pelo centro histórico e a publicarem as fotografias nas redes sociais com a hashtag #Amor&HumorEmAbrantes.

Porque nem tudo são rosas, pelas 15h00 fala-se de corações partidos no Teatro Virgínia, em Torres Novas, no projeto “Broken Parts – De cortar à faca” inspirado no Museu das Relações Acabadas de Zagreb e no livro “A Inocência dos Objetos”, de Orhan Pamuk. O (des)amor estará presente no foyer do teatro em diversas cenografias e instalações feitas a partir de objetos recuperados, transmitindo a visão de Vera Alvelos com a colaboração de elementos da comunidade local. Depois do espetáculo haverá um atelier de escrita criativa na Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes em que os participantes são desafiados a “etiquetar o (des)amor”.

Na mesma tarde, o CIEC – Centro Integrado em Educação e Ciências, em Vila Nova da Barquinha, promove duas iniciativas em simultâneo, às 15h30. Enquanto os adultos bebem um “Café com Ciência” com Filipe L. S. Monteiro, licenciado em Química Analítica, e discutem a “Química do Amor”, os mais novos terão resposta à pergunta “De que cor são os beijos?” através de um conto e uma experiência. A última atividade destina-se a crianças dos 6 aos 12 anos e está sujeita a inscrição até dia 12 de fevereiro por telefone (249 720 358 / 926 642 703 / 927 410 436) ou email (gabriela.rodrigues@cm-vnbarquinha.pt / info@ciec.vnb.pt).

Quem estiver sem ideias para surpreender a cara-metade pode aproveitar o último dia da exposição “Prendas para Namorados” na Biblioteca Municipal Dr. António Baião, em Ferreira do Zêzere”. As ofertas criadas pelos artesãos locais podem ser visitadas e compradas entre as 9h30 e as 18h30, com pausa para almoço das 13h00 às 15h00.

PUB

Já no dia 14, os namorados podem passear de mãos dadas no Museu de Aguarela Roque Gameiro (GAORG), em Minde. O espaço situado na Casa dos Açores alberga mais de centena e meia de obras de Alfredo Roque Gameiro, das filhas e de pintores seus contemporâneos. Os casais podem conhecer a coleção numa visita guiada entre as 10h00 e as 18h00, com paragem para almoço das 12h30 às 14h00, e têm entrada gratuita.

Também no concelho de Alcanena, pelas 16h00, é inaugurada uma exposição alusiva a este dia na Biblioteca Municipal Dr. Carlos Nunes Ferreira. A mostra temática estará patente ao público até 28 de fevereiro, de segunda a sexta-feira, entre as 10h00 e as 18h00, exceto à hora de almoço (13h00-14h00).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here