Médio Tejo | Projeto de 130 milhões de água e saneamento para seis concelhos

Ferreira do Zêzere (Foto: DR)

Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Tomar, Sardoal e Vila Nova da Barquinha são os seis concelhos que permanecem num projeto intermunicipal na região do Médio Tejo avaliado em cerca de 130 milhões para criar infraestruturas de água, saneamento e resíduos sólidos e que aguarda agora apenas a aprovação da ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos, anunciou hoje o presidente da autarquia de Ferreira do Zêzere.

PUB

Na reunião de Câmara de Ferreira do Zêzere realizada esta quinta-feira, o presidente Jacinto Lopes (PSD) adiantou que vai fechar em breve uma candidatura de 20 milhões que os municípios esperam ainda vir a conseguir beneficiar, por forma a arrancar com este processo.

Conseguir organizar uma estrutura intermunicipal que partilhe o investimento necessário em infraestruturas de água e saneamento é há muito uma ambição do município ferreirense, uma vez que a baixa densidade populacional traz um conjunto de limitações que encarecem em demasia os custos destas estruturas e sua manutenção para a autarquia.

A saída de Abrantes deixa os concelhos de Mação e Sardoal sem a continuidade territorial que seria desejável para o projeto, mas os seis municípios remanescentes avançaram na mesma.

“Um concelho como o nosso tem dificuldades” em financiar as carências em estruturas de água e saneamento, adiantou Jacinto Lopes ao mediotejo.net, pelo que, com “todos juntos ganha-se economia de escala”. O presidente referiu ainda que os estudos atuais não prevêem que o preço da água vá aumentar após as obras.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here