Médio Tejo | O ZêzereArts já anda pela região e fica até agosto

Foto: mediotejo.net

O ZêzereArts arrancou no domingo, dia 15, com um programa que leva duas dezenas de espetáculos aos concelhos de Ferreira do Zêzere, Tomar, Vila Nova da Barquinha e Batalha, a par dos cursos de verão e masterclasses. Depois da inauguração da exposição “Create Portugal”, que está patente no Posto de Turismo de Dornes durante o evento, e dos primeiros concertos, o festival vai continuar a andar pela região até dia 4 de agosto. Descubra quando e onde.

PUB

Em Ferreira do Zêzere, os primeiros espetáculos realizaram-se a 16 e 19 na Igreja de Nossa Senhora do Pranto, em Dornes, e no Centro Cultural de Ferreira do Zêzere e estãp previstos mais três para os dias 28 de julho e 3 e 4 de agosto.

O festival regressa sempre às 21:00 e no dia 28 oferece um concerto de gala na Igreja Matriz de Areias que junta a Orquestra ZêzereArts com estudantes, professores, solistas e cantores, o Grupo Coral de Ferreira do Zêzere, a Associação Canto Firme (Tomar), a Associação Concórdia Música (Entroncamento) e o Grupo Coral de Tancos (Vila Nova da Barquinha).

PUB
Brian MacKay é o fundador e diretor artístico do ZêzereArts. Foto: mediotejo.net

Os espetáculos de agosto têm lugar no Cine-Teatro Ivone Silva e marcam um dos pontos altos do programa com a apresentação integral, nos dois dias, da ópera “As Bodas de Fígaro”, de Mozart, dirigida por ​Brian MacKay – fundador e diretor artístico do festival – e encenada por ​Roberto Recchia​, ​contando com um elenco que reúne duas dezenas de atores e músicos.

O primeiro encontro do público com o ZêzereArts em Tomar também já teve lugar na Biblioteca Municipal Dr. António Cartaxo da Fonseca e na Igreja de Nossa Senhora da Graça, a 15 e a 18 de julho, e a música erudita mantém-se no concelho nos dias 20, 21, 26 e 27.

PUB

Nas três datas seguintes, o festival marca presença em dois espaços diferentes do Convento de Cristo, começando pelo concerto de música vocal do ZêzereArts Ensembles Vocais na Charola, a partir das 18h30 desta sexta-feira, dia 20. Às 21h00 de dia 21, sábado, o Claustro D. João III recebe um concerto coral sinfónico com o coro e a orquestra sinfónica ZêzereArts e a soprano Isabel Alcobia sob direção de Brian MacKay.

O ZêzereArts regressa ao Convento de Cristo, em Tomar, depois de lá ter passado em 2017. Foto: mediotejo.net

Este é um ponto alto do programa pois inclui a estreia mundial da obra encomendada ao compositor residente deste ano, David Miguel. O local e o horário repetem-se no dia 26 com o concerto da orquestra ZêzereArts com estudantes, professores, solistas e cantores, dando lugar ao Cine-Teatro Paraíso que recebe, às 15h00 de dia 27, o recital dos estudantes do curso ZêzereArts e da masterclasse de Ophélie Gaillard.

A estreia da oitava edição do ZêzereArts em Vila Nova da Barquinha está agendada para as 16h00 do próximo domingo, dia 22, quando a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, na Praia do Ribatejo, recebe o recital dos estudantes e professores dos cursos de cordas ZêzereArts. O regresso fica prometido para as 22h00 de dia 27 com encontro marcado no Castelo de Almourol, que será cenário do concerto da Orquestra ZêzereArts com interpretação de estudantes, professores, solistas e cantores.

O festival também continua fora dos limites regionais, na Batalha, com os concertos “Im Perfeitos”, realizados nas Capelas Imperfeitas do Mosteiro da Batalha, sempre às 21h00. O primeiro foi esta terça-feira e juntou o Quarteto Lopes-Graça a Leonor Braga Santos e ​Varoujan Bartikian numa “Noite Transfigurada”.

Esta sexta-feira, dia 20, chega a vez da música de câmara dos estudantes e professores dos cursos de cordas ZêzereArts e, no dia 25, do solo de violoncelo de Óphelie Gaillard.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here