Médio Tejo | Confusão no arranque dos novos tarifários dos transportes públicos

Comboio. Foto: DR

A entrada em vigor das primeiras alterações tarifárias contempladas no PART – Programa de Apoio à Redução Tarifária está agendada para o dia 1 de abril e a venda dos títulos mensais dos transportes públicos começou a 26 de março. O arranque ficou marcado por alguma confusão e informação contraditória entre o anunciado pela CIM do Médio Tejo e o atendimento na CP. Em abril, quem usa o comboio entre o Médio Tejo e Lisboa já pode usufruir dos descontos do passe metropolitano e usar os inter-regionais na Área Metropolitana de Lisboa.

PUB

As reduções tarifárias apresentadas na passada segunda-feira pela Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIM do Médio Tejo), em conferência de imprensa, incluíam 40% nas assinaturas mensais dos serviços de transporte público da região. Os descontos abrangem de igual forma os transportes rodoviários e ferroviários, com entrada em vigor prevista para abril no primeiro caso e para maio no segundo.

Os viajantes regulares de comboio entre a região do Médio Tejo e Lisboa podem usufruir das combinações de passes (passe regional e passe metropolitano), com os descontos de 40% a partir de 1 de maio e do passe navegante metropolitano – entre Vila Franca de Xira e a capital – já a partir de abril. No último caso, foi anunciado que estavam abrangidos os comboios regionais e inter-regionais dentro da Área Metropolitana de Lisboa (AML).

A poucos dias das primeiras viagens do mês de abril, alguns passageiros denunciaram dificuldades ao tentar comprar os respetivos passes mensais junto da CP. Os principais problemas apontados prendiam-se com a combinação do passe regional (ainda sem desconto) com o passe metropolitano, a par da utilização dos comboios inter-regionais dentro da AML.

O mediotejo.net contactou a CIM do Médio Tejo, tendo o secretário-executivo Miguel Pombeiro confirmado as condições e descontos anunciados na segunda-feira e sublinhado que tinha sido informado pela CP que a empresa estaria a reforçar a comunicação junto dos serviços de bilheteira e de apoio ao cliente.

PUB

Fonte da CP, igualmente contactada, confirmou a utilização dos comboios inter-regionais “que já aceitam os títulos urbanos” dentro da AML.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here