Futebol | Tramagal vence Aldeiense com exibição de grande nível (c/AUDIO e FOTOS)

O Tramagal venceu o Aldeiense por 4-0 no arranque do campeonato da 2ª divisão distrital. Foto: mediotejo.net

Tramagal Sport União 4 Associação Cultural e Desportiva Aldeiense 0

PUB

Campeonato Distrital da 2ª divisão AF Santarém – 1ª jornada

Campo de Jogos Comendador Eduardo Duarte Ferreira – Tramagal

13 outubro 2019

Tarde amena de domingo em Tramagal, dia que marcou o arranque do campeonato distrital da 2ª divisão da Associação de Futebol de Santarém, e que reunia todas as condições para a prática do futebol e para que se assistisse a um bom espetáculo entre TSU e Aldeiense.

PUB
Antevia-se uma boa tarde de futebol em Tramagal perante duas equipas vizinhas. Foto: mediotejo.net

Frente a frente estavam duas equipas de concelhos vizinhos e havia a curiosidade de perceber como se iriam apresentar depois dos jogos da Taça do Ribatejo, em que ambas foram afastadas da prova na 1ª fase, e em que haviam empatado 3-3 num jogo de preparação que disputaram entre si.

Equipas perfiladas. Foto: mediotejo.net

O jogo começou solto, com ambas as equipas a procurarem acercar-se das balizas contrárias. O Tramagal fechava a zona central do terreno com dois trincos e três jogadores no meio campo a servirem Singéis, um dos melhores elementos em campo, e o Aldeiense procurava as alas e os espaços livres para desferir os seus ataques. O Tramagal mandou no meio campo, procurando colocar a bola na relva e construir jogadas de ataque a partir de trás, e o Aldeiense, que nunca desistiu dos seus intentos, tinha de recorrer muitas vezes a bolas bombeadas ou passes em profundidade para tentar ultrapassar o meio campo e a defensiva da casa.

Com uma exibição segura na defesa, com dois centrais em grande plano, e um meio campo a construir jogadas de fino recorte, com Roma e Quinó a comandarem as operações, Singéis era o elemento mais avançado do TSU, segurando a bola na frente e distribuindo jogo para os companheiros Pisco e Grilo, que dividiam despesas na construção ofensiva. Uma agradável e segura exibição da equipa da casa e cujo resultado espelha o que se passou dentro das quatro linhas.

Jogo muito disputado mas em que a superioridade do Tramagal nunca esteve em causa. Foot: mediotejo.net

O primeiro lance de perigo surgiu aos 4′ na área tramagalense, mas com o fiscal a assinalar fora de jogo ao avançado da equipa de Constância. Félix, no entanto, esconjurou o perigo defendendo com os pés. Aos 7´foi Grilo quem criou perigo para a equipa forasteira, com um remate à entrada da área que saiu por cima da baliza à guarda de Artur Henriques.

O Tramagal era quem mais perigo criava até que aos 22′ minutos surgiu a primeira contrariedade para a equipa de Pedro Varino. A lesão de Rodrigo Camargo obrigou a uma substituição forçada no xadrez do Aldeiense.

Aos 27´, Pisco, uma das melhores exibições do Tramagal, levou grande perigo à baliza do Aldeiense, com o guarda-redes a defender bem com os pés e a adiar o que se seguiria, poucos minutos depois.  O mesmo Pisco, na sequência de um pontapé de canto, recebe a bola no bico da grande área e desfere um remate indefensável, ao ângulo da baliza à guarda de Artur Henriques. O guardião bem se estirou mas nada havia a fazer. Estava aberto o marcador, num grande golo do jogador do TSU.

A espaços o Aldeiense acercava-se da balzia do TSU, mas sem conseguir concretizar. Foto: mediotejo.net

Aos 36′ registo para uma jogada de perigo por parte do Aldeiense, com Lucas Silvares a criar muitas dificuldades a Félix, que se opôs com galhardia.

Ate ao final do apito para o descanso, registo para mais duas oportunidades para o TSU, uma das quais resultou em golo. Aos 42′, Gonçalo Grilo, muito ativo enquanto esteve em campo, remata de zona frontal, com a bola a passar pelo emaranhado de defesas e elevar para dois golos sem resposta, resultado com que se atingiria o intervalo. Aos 43′, Pisco surge isolado perante o guarda-redes do Aldeiense e tenta o chapéu, mas Artur Gonçalves adivinhou e afastou o perigo.

Ao intervalo a diferença de dois golos ajustava-se ao que se havia passado no terreno de jogo. Com o reatar da partida, Pedro Varino fez subir as linhas na tentativa de reduzir a diferença no marcador e entrar na disputa pelos pontos, mas o Tramagal manteve a serenidade na saída do jogo com bola e no controlo do meio campo, com destaque para Roma e Quinó. Este último foi o capitão de equipa tramagalense, na ausência de Gonçalo Fernandes, e fez jus à braçadeira que ostentou, dando orientações aos companheiros e impondo a sua experiência no miolo do terreno.

Em jogo muito disputado, o TSU esteve em bom nível nos vários processos de jogo. Foto: mediotejo.net

Nos primeiros 10 minutos do segundo período destaque para um remate de Pisco com muito perigo, numa jogada de bom entendimento com Singéis, e para uma jogada que levou perigo à baliza de Félix, mas que a defesa tramagalense anulou. Com o resultado em 2-0 para o TSU, os minutos que se seguiram foram de controlo do jogo por parte da equipa da casa, e com o árbitro a mostrar alguns cartões amarelos ao Aldeiense, por faltas grosseiras. Rui Matos, do TSU, também viu a cartolina amarela, num lance em que o árbitro entendeu que o avançado contrário foi alvo de falta à margem das leis.

Aos 35′ o Tramagal faz o terceiro golo e acaba com a história do jogo. Numa jogada de envolvimento, Singéis segura a bola entre os centrais e serve de bandeja para o avançado Pisco bisar na partida. Um golo de classe, muito festejado pelos azuis do TSU. Logo de seguida, o técnico Júlio Batista faz entrar Pedro Braz e Bruno Eufrásio para os lugares de Pisco e Singéis, substituições que não vieram alterar o cariz de uma partida muito disputada de parte a parte, mas em que a superioridade do TSU foi uma constante.

O Tramagal fecharia ainda a excelente exibição com um golo de levantar o estádio. Em mais uma jogada de bom entendimento entre os avançados, um centro para o coração da área permite um remate acrobático a Pedro Braz, que marca um golo de bandeira e fecha a contagem no marcador. Estava feito o 4-0 e história do jogo estava escrita, não sem antes o árbitro exibir um amarelo a Félix por suposta demora na reposição da bola em jogo. Nos quatro minutos de desconto nada a registar.

Quinó foi o capitão de equipa e um dos grandes motores do Tramagal. Foto: mediotejo.net

Vitória justa do Tramagal, que rubricou uma exibição categórica perante um Aldeiense que ainda tem trabalho a fazer na afinação dos processos de construção de jogo. Bom número de espetadores no campo de jogos, com a claque do Tramagal a apoiar a equipa de forma reveladora da comunhão que se vive entre os adeptos e o clube quase centenário.

TSU começa campeonato com uma importante vitória perante os seus adeptos. Foto: mediotejo.net

A arbitragem chefiada por Pedro Serra teve algumas falhas ao nível técnico e disciplinar, mas sem influência no resultado. Alguns cartões amarelos foram exibidos sem que se tenha percebido o motivo, outros terão ficado por exibir em lances evidentes. O guarda-redes do TSU equipou de negro, assim como a equipa de arbitragem, o que não era suposto ter sucedido.

FICHA DE JOGO:

Árbitros: Pedro Serra, coadjuvado por Carlos Pereira (peão) e Filipe Godinho (bancada).

Equipa de arbitragem e os capitães de equipa do Tramagal e Aldeiense. Foto: mediotejo.net

Tramagal SU: Félix, Matos, Baião, Nalha, André, Roma, Calado, Quinó (cap), Pisco, Singéis, e Grilo.

Suplentes: João Serafim, José Garcia, Leal, Tiago Pisco, Rui Costa, Pedro Braz, Bruno Eufrázio.

Treinador: Júlio Batista.

Equipa titular do TSU. Foto: mediotejo.net

Aldeiense: Artur Henriques, André Valente, João Rodrigues (cap), Diego Almeida, Miguel Amaro, Wilson, Rodrigo Camargo, Marco Lino, João Vitor, Ruben Morais, e Lucas Silvares.

Suplentes: Carlos Branco, Pika, Tiago Dias, Diogo Ruas, Nelson Salgado, Leonardo Bakos, e João Oliveira.

Treinador: Pedro Varino.

Equipa titular do Aldeiense. Foto: mediotejo.net

No final do jogo o mediotejo.net ouviu o treinador da equipa do TSU, Júlio Batista:

Júlio Batista-Treinador do Tramagal Sport União.
Pedro Varino, treinador do Aldeiense. Foto: Jorge Santiago/mediotejo.net

*O treinador do Aldeiense, Pedro Varino, optou por não prestar declarações.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here