Futebol | Tomar empata em Coruche e mete campeonato ao rubro

Empate justo entre duas equipas que sabem jogar bom futebol. Foto: JD

A equipa do Coruchense, líder do campeonato distrital da 1ª divisão, era claramente favorita a jogar em sua casa mas tinha que o provar em campo e suplantar um União de Tomar que está a fazer uma boa ponta final de campeonato. O empate final 2-2 é justo pelo labor das duas equipas e penaliza mais o Coruchense, que fica apenas com um ponto de avanço sobre o 2º classificado.

PUB
Empate entre Coruchense e Tomar mete campeonato ao rubro. Foto: JD

Primeiros dez minutos com futebol muito aberto de parte a parte, e com o União de Tomar a apresentar-se sem receios de jogar em Coruche, com personalidade, e, sempre que tinha a bola, a causar problemas à equipa da casa.

Tentava pegar no jogo o Coruchense, mas o União de Tomar não permitia grandes veleidades. A equipa de Lino Freitas, bem organizada taticamente, fechava bem os caminhos para a sua baliza e quando atacava ganhava alguns livres e pontapés de canto. E foi ao quinto canto que a equipa de Tomar inaugurou o marcador, ainda na primeira metade da partida.

Foto: JD

A equipa da casa sentiu o golo e respondeu de imediato, conseguindo dez minutos depois o golo do empate, numa altura em que já começava a chover, o que aconteceu com muita intensidade até ao intervalo.

Ao fim da primeira parte o empate era justo.

PUB
Empate a dois golos entre Coruchense e União de Tomar. Foto: JD

Na segunda metade do desafio, o Coruchense entrou a pressionar e mandar no jogo, mas a posse de bola era mais consentida do que conseguida. O Coruchense tentava construir e não bater a bola na frente, como aconteceu muitas vezes na primeira parte. Mas o União de Tomar, quando apanhava a bola, saía com critério para o ataque e causava problemas à defesa do Coruche.

A meio da segunda parte, na cobrança de uma grande penalidade algo forçada por João Costa, David Silva viu o guardião tomarense negar o golo à primeira, mas, na recarga, acabou por fazer o segundo golo para a equipa líder do campeonato, colocando o Coruchense em vantagem.

Foto: JD

Parecia que a equipa da casa ia embalar para uma vitória, mas o União de Tomar teve ainda arte e atitude para responder ao desafio que o resultado lhes colocava, aproveitando uma desatenção defensiva do adversário.

Nunca deixando que o jogo lhe fugisse, a equipa templária conseguiu reagir e chegou ao empate numa falha de entendimento entre os defesas da casa e o seu guarda redes. Handerson Lacerda aproveitou para fazer o seu segundo golo na partida.

Empate justo entre duas equipas que sabem jogar bom futebol. Foto: JD

Empate justo, pois a equipa da casa não conseguiu impor-se de forma clara, muito por mérito do União de Tomar. Três boas equipas evoluíram no campo Municipal José Peseiro, pois há que registar também a boa arbitragem de Diogo Martinho e seus assistentes.

Ficha de jogo:

Árbitro: Diogo Martinho

Assistentes: Tiago Martinho e João Faria

Coruchense:

Nuno Carrapato, Lourenço, Rodrigo, Heta, Mike (João Costa), Semeano (cap.), Serge (Sadjo), David Silva, Luis Carlos (Gonçalo Benavente), Miguel Seninho, Kevin.

Treinador: Gonçalo Silva

Suplentes não utilizados: Gonçalo Guerra, Cajarana, Gabriel.

União de Tomar:

Nuno Ribeiro, Davi Vieira, Monteiro, Douglas, Diogo Gaspar(Rui Lopes), Flávio Graça (Filipe Cotovio), Nuno Rodrigues cap., Pires (André Lopes), Telmo Ferreira (Faustino), João Pedro, Handerson Lacerda.

Treinador: Lino Freitas.

Suplentes não utilizados: João Brito, Dani, Dudu.

Golos: Handerson (20’ e 71’), Kevin, (30’) David Silva (63’ gp).

*Parceria rádio Hertz e mediotejo.net

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here