Ferreira do Zêzere | Turismo de Portugal investe no turismo religioso de Dornes – Bêco – Areias

Candidatura foi um esforço conjunto do município de Ferreira do Zêzere e do pároco Manuel Patto. Torre Pentagonal de Dornes vai ser visitável e terá um miradouro Foto: mediotejo.net

O pároco Manuel Patto, responsável pelas paróquias de Dornes, Bêco e Areias, viu ser aprovada uma candidatura, realizada em conjunto com o município de Ferreira do Zêzere, ao programa VALORIZAR, do Turismo de Portugal. A entidade de turismo vai financiar a 90% um investimento de 428.830 euros na valorização do turismo religioso das três localidades das freguesias de Nossa Senhora do Pranto, Bêco e Areias-Pias, com requalificação das três igrejas, Torre Pentagonal, a criação de um Museu dos Círios de Dornes e de um percurso pedestre designado “Zêzere Sagrado”, com ligação aos Caminhos de Santiago e rotas de peregrinação a Fátima.

PUB

A aprovação do financiamento e o projeto de valorização turística foram divulgados à comunicação social esta quarta-feira, 5 de dezembro, numa conferência de imprensa no Centro Paroquial de Dornes. Segundo explicou Manuel Patto, existe um património edificado bastante rico de cariz religioso nas aldeias a precisar não só de requalificação como de divulgação.

Neste sentido, o objetivo foi criar um roteiro turístico que englobasse desde a Torre Pentagonal de Dornes às três igrejas matrizes (a do Bêco e a de Areias são duas das maiores igrejas da diocese de Coimbra), “quatro monumentos únicos a nível nacional”.

Ferreira do Zêzere | Turismo de Portugal investe no turismo religioso de Dornes - Bêco - Areias
Igreja do Bêco é a que assume a maioria do investimento, com um extenso trabalho de reabilitação a decorrer Foto: mediotejo.net

Com este investimento, avançou, os espaços vão passar a estar abertos ao público, mediante o envolvimento com a população local, como já acontece com os habitantes de Dornes que vigiam e abrem as portas do Santuário de Nossa Senhora do Pranto desde março aos turistas. A entrada será gratuita, garantiu. “São ótimas notícias termos recebido esta ajuda”, afirmou.

Em representação do município, o vereador Hélio Antunes revelou que este era um projeto ambicionado há vários anos pelo executivo camarário. As obras de requalificação da Igreja matriz do Bêco, uma das mais emblemáticas da sua diocese e praticamente sem divulgação turística, já se encontram inclusive a decorrer, sendo que estão previstas mais ações nos restantes monumentos durante o ano de 2019.

PUB
Ferreira do Zêzere | Turismo de Portugal investe no turismo religioso de Dornes - Bêco - Areias
Círios centenários de Dornes vai ser expostos numa sala preparada para o efeito Foto: mediotejo.net
Ferreira do Zêzere | Turismo de Portugal investe no turismo religioso de Dornes - Bêco - Areias
As Igrejas de Dornes, Bêco e Areias possuem um riquíssimo património religioso, mas foram fechadas devido aos roubos a nível nacional. Desde março que a Igreja de Nossa Senhora do Pranto (Dornes) é aberta ao público mediante a vigília da população local Foto: mediotejo.net

Para a total requalificação da Torre Pentagonal – que vai ser visitável, com o desenvolvimento de um pequeno núcleo museológico e um miradouro – aguarda-se ainda a aprovação de outra candidatura, mas o financiamento do Turismo de Portugal vai permitir desde já elaborar o projeto. O Santuário de Dornes vai ainda ver os seus círios centenários expostos num espaço museológico dentro da sacristia, adiantou o vereador.

Por fim, será organizado um roteiro chamado “Zêzere Sagrado”, que se traduz numa rota pedestre pelas três localidades e suas igrejas. O município espera assim “criar novas dinâmicas”, inclusive pela ligação aos caminhos de Santiago e de Fátima, que já atravessam Areias e Dornes.

Ferreira do Zêzere | Turismo de Portugal investe no turismo religioso de Dornes - Bêco - Areias
Torre Pentagonal vai ser aberta ao público e terá um miradouro Foto: mediotejo.net

Hélio Antunes frisou que não se pretende alcançar um turismo de massas. O objetivo deste investimento encontra-se voltado sobretudo para um turismo de contemplação, que conserve a genuinidade dos locais. A aposta vai ainda contemplar mecanismos de inclusão, como informação em braille.

O Turismo de Portugal assegura 90% deste investimento, ou seja, 385.947,72 euros. Perto de 43 mil não são financiados, com cerca de 63 mil euros dedicados a promoção e valorização turística. A maioria do montante, cerca de 327 mil euros, destina-se às obras de reabilitação e acompanhamento técnico da Igreja do Bêco.

Conferência de Imprensa em Dornes – apresentação do projeto turístico Zêzere Sagrado, financiado pelo Turismo de Portugal

Publicado por mediotejo.net em Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2018

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here