Entroncamento | III Seminário “Criando Iniciativas – Re(h)abilitar na Demência”

III Seminário “Criando Iniciativas – Re(h)abilitar na Demência”. Foto: DR

O Centro Cultural do Entroncamento recebe este sábado, dia 14, o III Seminário “Criando Iniciativas – Re(h)abilitar na Demência”. A iniciativa é organizada pela Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento e o tema é abordado ao longo do dia em quatro painéis de oradores e três workshops.

PUB

A sessão de abertura está marcada para as 9h30 com uma mesa de honra moderada pelo Provedor da Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento, Firmino Falcão, e composta pelo pelos presidentes da Associação Portuguesa de Fisioterapia, da Associação Portuguesa de Terapia da Fala e da Associação Portuguesa de Terapia Ocupacional. A eles juntam-se ainda o presidente da Câmara Municipal do Entroncamento, Jorge Faria, e o Diretor Clínico da Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento.

O primeiro painel de oradores, moderado pelo médico fisiatra João Branco, apresenta a temática “Funções e Estruturas” meia-hora depois. As comunicações são da médica psiquiátrica Mónica Almeida (“Os desafios do diagnóstico e prevenção”), da terapeuta da fala Inês Tello Rodrigues (“Como efetivar a comunicação na demência”) e da fisioterapeuta Catarina Amaro (“O papel da fisioterapia em pessoas com demência”).

A mesa dedicada à temática “Atividades” tem início às 11h15 e é moderada por Elisabete Roldão, Presidente da APTO. O painel de oradores junta a fisioterapeuta Anabela Martins, a terapeuta ocupacional Helena Pimentel e o enfermeiro José Carlos Gomes, que falam sobre “Estimular a autonomia, proteger das quedas”, “Intervenção não farmacológica na demência: fauna e flora” e “Intervenção orientada por tarefas: promover e potencial”, respetivamente.

Os workshops “Importância da ocupação na vida da pessoa com Demência”, “Sensing Future” e “Finger Food” realizam-se entre as 12h30 e as 14h00 e dão lugar ao terceiro painel de oradores, moderado pela presidente da APTF Ana Isabel Tavares.

As comunicações associadas à temática “Participação” são feitas pela terapeuta da fala Rita Cardoso (“Alterações cognitivas, deglutição e alimentação: relação e impacto para o doente e cuidados de saúde”),a terapeuta ocupacional Rita Santos (“Papel da terapia ocupacional na promoção da participação da pessoa com demência”) e a neuropsicóloga Cátia Gameiro (“Contributo do neuropsicólogo na reabilitação de pessoas com demência”).

Os “Fatores Pessoais e Ambientais” dão o mote para a última mesa, moderada pelo presidente da Presidente da APF, Emanuel Vital, com início às 15h15 e que fecha o programa com sessão de encerramento marcada para as 16h00. O psicólogo Mário Rodrigues, a arquiteta Angelina Santos e o padre Ricardo Madeira apresentam “Mindfulness para cuidadores/prestadores na demência”, “Ambientes terapêuticos para pessoas com deterioração cognitiva” e “A espiritualidade na demência”, respetivamente.

DEIXAR UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here