Cultura: O que vai fazer este fim-de-semana?

infantil

Do velho se faz novo

PUB

PUB

sábado 13 | 10h30 – 12h00 | Tomar (Centro Ambiental) | Entrada livre

A Mata dos Sete Montes recebe os mais novos para outra sessão da iniciativa “Sábados à Grande”. Uma hora e meia muito criativa durante a qual pais e filhos, dos seis aos dez anos, se divertirão a transformar objetos velhos em novidades, estimulando o gosto pelos três “erres” (reutilizar, reciclar e reduzir).

Bilhetinhos de Namorados

sábado 13 | 11h00 | Abrantes (Biblioteca Municipal António Botto) | Entrada livre

PUB

Os afetos entre as crianças nos primeiros anos de escola são apresentados no livro “Bilhetinhos de Namorados”. A ternura do texto de Virginie Hanna e das ilustrações de Véronique Hermouet serão partilhadas em mais uma sessão da iniciativa “Biblioteca ao Sábado com a Fábrica d’Estórias”.

Contos para Todos

sábado 13 | 11h00 | Ferreira do Zêzere (Biblioteca Municipal Dr. António Baião) | Entrada livre

A atriz Inês Fouto junta-se à festa do 12º aniversário da biblioteca municipal e convida pais e filhos a passarem uma manhã juntos. Sabemos que não se trata de uma peça de teatro ou de uma aula de música, mas sim de um momento de partilha em que aprenderão a ver o lado divertido das refeições.

Amarelo

sábado 13 | 11h00 | Torres Novas (Teatro Virgínia) | Bilhetes: €3,00

Esta peça teatral de Catarina Requeijo passa-se na ilha do Amarelo “teimoso, obstinado, divertido e muito pouco falador”. Aqui, as crianças irão descobrir um mundo próximo do seu imaginário que retrata as consequências do que acontece quando apenas gostamos do que se conhece. Depois do espetáculo será realizada a oficina “Amarelo, amarelinho, quem te amarelou?”.

De que cor são os beijos?

sábado 13 | 15h30 | VN Barquinha (CEAC) | Entrada livre

O CEAC – Centro de Estudos de Arte Contemporânea entrou no espírito do Dia dos Namorados e decidiu ensinar a cor dos beijos aos mais novos. Um momento muito beijoqueiro pensado para o público com idades compreendidas entre os seis e os 12 anos que inclui a Hora do Conto e uma experiência.

artes plásticas

Inauguração: Nos Trilhos da Alma

sábado 13 | 16h00 | Alcanena (Biblioteca Municipal Dr. Carlos Nunes Ferreira) | Entrada livre

Exposição de pintura de Carla Soares, que também realiza trabalhos em escultura e multimédia. Até dia 31 de março será possível percorrer os trilhos que esta artista plástica residente em Santarém nos sugere com uma alma muito sua.

Inauguração: Foto-radiografias, 1896

sábado 13 | 17h00 | VN Barquinha (Galeria do PECA) | Entrada livre

O Parque de Escultura Contemporânea Almourol recebe uma radiografia do país feita por Augusto Bobone, antigo fotógrafo da Casa Real Portuguesa, no ano de 1896. Desde mãos com anéis a animais, até 22 de maio estarão patentes ao público algumas pranchas com as foto-radiografias obtidas por um dos pioneiros do raio X em Portugal.

dança

Folclore no Centro

domingo 14 | 15h00 | Vila de Rei (Polidesportivo da Fundada) | Entrada livre

A primeira edição deste festival contará com a presença de cinco grupos vindos da Boavista (Portalegre), Terras da Nóbrega (Alto-Minho), Idanha-a-Nova, Cernache do Bonjardim (Sertã), Pego (Abrantes), aos quais se junta o da casa (Fundada). A partir das 10h00 decorrerá no mesmo local “Os Quintais nas Praças do Pinhal” com animação assegurada por concertinas, cantares e bombos.

fotografia

Inauguração: Lugares de Culto

sábado 13 | 17h00 | Mação (Centro Cultural Elvino Pereira) | Entrada livre

Mostra de fotografias de arquitetura de Rui Morais de Sousa composta por 16 ampliações em grande formato de obras realizadas por arquitetos portugueses de renome, com um núcleo dedicado a trabalho de Duarte Castel-Branco em Abrantes. A exposição itinerante revela-nos os pormenores de cada lugar de culto até ao próximo dia 5 de março.

música

Mila Ferreira – Bonsoir Paris

sábado 13 | 21h30 | Alcanena (Cine-Teatro São Pedro) | Entrada livre (reserva obrigatória)

Mila Ferreira transporta-nos para a cidade luz com este concerto onde a música francesa tem destaque. O acordeão de João Barradas, o violino de Marcos Lázaro e o piano de Rui Moura contribuirão para o ambiente onde o charme e a boémia se misturam.

Septeto do Hot Club Portugal

sábado 13 | 21h30 | Tomar (Levada) | Bilhetes: €3,00

O septeto do clube de jazz mais antigo do país reúne Bruno Santos (guitarra e direção musical), Joana Machado (voz), Diogo Duque (trompete), Pedro Moreira (saxofone Tenor), Ricardo Toscano (saxofone alto), Romeu Tristão (contrabaixo e baixo elétrico) e Joel Silva (bateria). O grupo apresenta o álbum mais recente, editado em 2015, numa das iniciativas do cartaz “Jazz em Tomar 2016”.

Recital de guitarra clássica

domingo 14 | 16h00 | Abrantes (Pego) | Entrada livre

A Igreja Paroquial de Santa Luzia recebe o recital de guitarra clássica de José Horta, integrado na iniciativa ART’Andante. Um momento de descontração que alia a serenidade do espaço com as melodias interpretadas pelo professor e músico abrantino.

teatro

Broken Parts – De cortar à faca

sábado 13 | 15h00 | Torres Novas (Teatro Virgínia) | €3,00

O projeto de Vera Alvelos com a colaboração de elementos da comunidade local inspira-se no Museu das Relações Acabadas de Zgreb e no livro “A Inocência dos Objetos”, de Orhan Pamuk. As cenografias com instalações no foyer do teatro ajudam a analisar o (des)amor e no final do espetáculo segue-se um atelier de escrita criativa na Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes.

cinema

Hotel Transylvania 2

sábado 13 | 16h00 e 21h30 | Sardoal (Centro Cultural Gil Vicente) | Bilhetes: €3,00

O hotel para monstros mais divertido está de regresso e as coisas parecem estar a melhorar, com Drac a abrir o local aos hóspedes humanos. Tudo correria melhor se a sua preocupação desaparecesse. Será Dennis, o neto, um verdadeiro vampiro? A visita surpresa de Vlad, o pai de Drac, muito da velha guarda, só vem complicar a situação…

O Caso Spotlight

sábado 13 | 21h30 | Sertã (Cine-Teatro Tasso, Clube da Sertã) | Bilhetes: €3,00

Filme de Tom McCarthy que apresenta a equipa “Spotlight”, o grupo de jornalistas do “Boston Globe”. A investigação realizada em 2001 e a consequente denúncia de casos de pedofilia envolvendo elementos da Igreja Católica chocaram o mundo e mexeram com altas esferas de influência.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here