Constância | Major-general Mendes Ferrão escolhido para segundo comandante da MINUSCA

Major-General Eduardo Mendes Ferrão escolhido para segundo comandante da MINUSCA . Foto: mediotejo.net

O major-general Eduardo Mendes Ferrão, atual comandante da Brigada Mecanizada, foi escolhido para vice-comandante da força militar da Missão Multidimensional Integrada das Nações Unidas para a Estabilização da República Centro-Africana (MINUSCA), anunciou hoje o Governo.  O nome do major-general Mendes Ferrão, aprovado hoje em conselho de ministros, vai agora ser proposto a Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República e, por inerência, Comandante Supremo das Forças Armadas.

Antes, o cargo de segundo comandante da MINUSCA foi ocupado pelo tenente-general Marco Serronha, que esteve em Bangui até novembro.

Na cerimónia de despedida, que decorreu no campo de M’Poko, Bangui, onde os militares portugueses têm a sua base, Marco Serronha foi condecorado pelo Presidente da República da RCA, Faustin-Archange Touadéra.

A RCA caiu no caos e na violência em 2013, depois do derrube do ex-Presidente François Bozizé por grupos armados juntos na Séléka, o que suscitou a oposição de outras milícias, agrupadas sob a designação anti-Balaka.

O Governo centro-africano controla um quinto do território. O resto é dividido por mais de 15 milícias que procuram obter dinheiro através de raptos, extorsão, bloqueio de vias de comunicação, recursos minerais (diamantes e ouro, entre outros), roubo de gado e abate de elefantes para venda de marfim.

PUB

Um acordo de paz foi assinado em Cartum, capital do Sudão, no início de fevereiro pelo Governo e por 14 grupos armados. Um mês mais tarde, as partes entenderam-se sobre um governo inclusivo, no âmbito do processo de paz.

Portugal está presente na RCA desde o início de 2017, no quadro da MINUSCA, com a 6.ª Força Nacional Destacada (FND), e militares na Missão Europeia de Treino Militar-República Centro-Africana, cujo 2.º comandante é o coronel António Grilo.

A 6.ª FND, que tem a função de força de reação rápida, integra 180 militares, na sua maioria Paraquedistas, pertencendo 177 ao Exército e três à Força Aérea. Na RCA estão também 14 elementos da Polícia de Segurança Pública.

O major-general Eduardo Mendes Ferrão foi escolhido para vice-comandante da força militar da Missão Multidimensional Integrada das Nações Unidas para a Estabilização da República Centro-Africana (MINUSCA), anunciou hoje o Governo. Foto: Pérsio Basso

Eduardo Manuel Braga da Cruz Mendes Ferrão, nasceu em Lisboa, em 17 de fevereiro de 1962 e foi promovido ao atual posto de comandante da Brigada Mecanizada (BrigMec), no Campo Militar de Santa Margarida, Constância, no dia 29 de novembro de 2017. Ao longo da sua carreira serviu em diversas unidades do Exército, no Estado-Maior-General das Forças Armadas e no Ministério da Defesa Nacional.

c/LUSA

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here