Chamusca | Seiça vence Supertaça de Santarém do Inatel numa tarde com muitos golos

Seiça vence Supertaça de Santarém do Inatel ao ultrapassar o Montinho dos Pego por 5-3. Foto: Telmo Gomes

Foi no campo de futebol da Parreira (Chamusca) que se deu o pontapé de saída em jogos oficiais para esta época 2019/2020 do INATEL Santarém, entre o campeão da Liga e o vencedor da Taça. Por um lado, vindo de Ourém, o Seiça vinha com vontade de repetir o título já alcançado na época passada, ao passo que de Coruche vinham os Montinhos dos Pegos cheios de ganas de mostrar que este ano é para voltar a contar com eles nas contas finais.

PUB

No meio de tantos jogos amigáveis e de apresentações, o campo do Grupo Desportivo da Parreira engalanou-se para receber estas duas equipas e todo o público que compareceu a esta final, apresentando um relvado natural bem tratado e dois bares prontos para as ocorrências dos espetadores presentes.

Quem esteve presente não deu o seu tempo por perdido ou mal empregue. Houve golos para todos os gostos e feitios, pontapés de fora de área, remates dentro da pequena área, de cabeça, de grande penalidade, de ressaltos, enfim, um jogo com muitos ingredientes e onde o público esperou pouco para ver golos. O Seiça entrou certeiro e logo nos primeiros minutos conseguiu chegar à vantagem.

Depois de mais umas investidas o jogo entrou numa fase mais calma e disputada a meio campo sem que até ao intervalo houvesse mexidas no placard. O Seiça vencia por 1-0.

Seiça vence Supertaça de Santarém do Inatel numa tarde com muitos golos

O início da segunda parte foi quase tirada a papel químico da primeira. O Seiça entrou e acertou nas redes dos Montinhos dos Pegos, golpe duro para a equipa de Coruche que viria a sofrer novo golo pouco depois.

PUB

Com o resultado em 3 a 0 para os homens de Seiça, o desacerto dos avançados dos Montinhos dos Pegos poderá ter sido decisivo para o desfecho da partida, e como se diz na gíria “quem não marca sofre”. E foi assim que o Seiça foi chegando à baliza dos Montinhos dos Pegos  até ao score de 5 a 0. Nesta altura as coisas pareciam decididas, mas era sem contar com a reacção fantástica dos Montinhos dos Pegos que, em poucos minutos chegou a marcar 3 golos e quase colocou em causa o primeiro troféu para o Seiça.

No fim quem fez a festa foi o Seiça mas os Montinhos dos Pegos mostraram que com mais alguma rotina e acerto na finalização vão ser um osso duro de roer.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here