Chamusca | Ator brasileiro Paulo Betti apresenta espetáculo inédito no Cineteatro

Paulo Betti atua na Chamusca no dia 19. Foto: DR

Chamusca vai acolher um dos espetáculos que o ator brasileiro Paulo Betti, rosto bem conhecido dos portugueses pela sua participação em dezenas de novelas, vai realizar durante a sua digressão em Portugal. Será no domingo, dia 19 de janeiro, às 17h00, no Cineteatro.

Paulo Betti traz até Portugal o seu espetáculo “Autobiografia Autorizada”, um monólogo interpretado pelo próprio e que assinala os seus 40 anos de carreira. O espetáculo foi todo concebido por Paulo Betti, desde a iluminação, o figurino, a música, o cenário e as projeções. Inspirou-se nos textos escritos em grandes blocos durante a adolescência, onde também fazia colagens de factos da época, de artigos semanais que escreveu durante quase trinta anos para o Jornal Cruzeiro do Sul, de Sorocaba, cidade onde foi criado. No Brasil, a peça recebeu críticas muito positivas e a indicação para o prémio Shell de melhor texto em 2015, tendo sido finalista do Prémio Faz Diferença (O Globo).

O ator brasileiro ficou célebre por personagens como Timóteo D’Alamberti, na novela “Tieta”, ou ainda Wanderley Amaral em “Mulheres de Areia”, Carlão em “Pedra Sobre Pedra”, Carlos em Chiquinha Gonzaga, era o Dr. Ricardo de “Malhação”, tendo ainda uma vasta carreira no cinema e no teatro.

A peça, que Paulo Betti traz até ao Coração do Ribatejo, aborda a sua biografia, mas também é “uma amálgama do Brasil profundo, inspirada pela inusitada história de superação de Paulo, que percorre o trajeto riquíssimo da roça à cidade, contando um pouco da imigração italiana no Brasil”. Paulo Betti, com 62 anos, saiu do mundo rural, onde o avô, um imigrante italiano, trabalhava para um fazendeiro negro. É filho de uma camponesa analfabeta, que se mudou para a cidade e que, com ele, tem 15 filhos (Paulo é o décimo quinto). O pai era esquizofrénico. Paulo teve a oportunidade de estudar em boas escolas. Formou-se pela Escola de Arte Dramática da Universidade de São Paulo e foi professor na Unicamp.

A peça balanceia momentos de humor com emoção, poesia e dor. O texto e a interpretação são de Paulo Betti e a direção é partilhada entre o ator e Rafael Ponz.

PUB

A digressão nacional do ator começa no Porto, Faro e passa depois pela Chamusca.

Os bilhetes para o espetáculo no Cineteatro da Chamusca custam 15 euros e estão à venda na Ticketline e no Balcão Único do Município da Chamusca.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here