Abrantes | Rui Baptista Santos avança com candidatura à concelhia do PSD

Rui Batista dos Santos é vereador do PSD no executivo de Abrantes. Foto: mediotejo.net

Sob o lema por ‘Um PSD forte e dinâmico’, Rui Baptista Santos assume a candidatura à liderança da concelhia de Abrantes do PSD, em eleições que estão marcadas para dia 7 de março. O atual vereador social democrata na Câmara de Abrantes critica o trabalho desenvolvido pela atual comissão política concelhia liderada por Diogo Valentim e diz que é tempo de unir o partido e olhar para o futuro, que é como quem diz, para as eleições autárquicas de 2021. Diogo Valentim, por sua vez, disse ao mediotejo.net que não se recandidata mas assegurou que Rui Santos “não concorrerá sozinho” à liderança da concelhia.

PUB

“Candidato-me à liderança da Comissão Politica Concelhia do PSD porque Abrantes precisa de um PSD forte e dinâmico, aliás, o nosso lema, e com os olhos postos no futuro, a bem do concelho e a bem do partido”, disse Rui Santos ao mediotejo.net, vereador eleito pelo PSD nas autárquicas de 2017 e que presidiu à concelhia social democrata em dois mandatos consecutivos, tendo vencido as eleições em 2014 e 2016.

Rui Santos foi eleito vereador em 2018 e deixou a presidência da Comissão Politica Concelhia, altura em que Diogo Valentim, atual presidente da concelhia de Abrantes do PSD, venceu as eleições internas que disputou então com Joaquim Simplício.

PUB

“Quando saí há dois anos a concelhia ‘mexia’, apesar dos resultados nas autárquicas não terem sido aquilo que ansiávamos. Nestes dois anos tal não aconteceu, a concelhia não revela dinâmica, não tem apresentado proposta e tem havido, inclusive, perda de militantes”, notou.

Segundo Rui Santos, a sua candidatura a presidente da concelhia “não quer dizer que seja o candidato à Câmara pelo PSD em 2021”, situação que, frisou, “será tratada e decidida na altura certa pelos órgãos competentes”.

PUB

Do lado da candidatura de Rui Santos são conhecidos nomes de quem o acompanha na candidatura e integra a lista da Comissão Política Conclhia (CPC): João Fernandes, atual coordenador dos eleitos do PSD na Assembleia Municipal, e Paula Ramos, que tem assumido o papel de vereadora em substituição de Rui Santos, são candidatos a vice-presidentes da concelhia. O histórico militante José Eduardo Marçal é candidato a presidente da Mesa do Plenário na lista de Rui Santos.

Lista completa da CPC: Presidente – Rui Santos, Vice-presidente – João Fernandes, Vice-presidente – Paula Ramos, Secretário-geral – João Cravo, Tesoureira – Tânia Branco, Vogais- João Paulo Bioucas, Fernanda Aparício, Paulo Duarte, Liliana Matos, Filomena Vieira, Cristina Coxinho, Liliana Orvalho, e Bernardo Fernandes. Suplentes – Fernando Teimão, João Paulo Corga, Marina João, e Joaquim Sousa Lopes.

Lista da Mesa do Plenário: Presidente – José Eduardo Marçal, Vice-presidente – Carlos Ferreira, Secretária – Paula Reis. Suplente – André Antunes.

“Candidato-me com os olhos postos no futuro e no grande desafio que o PSD tem com as eleições autárquicas, onde o objetivo é fortalecer o PSD em Abrantes, interna e externamente, com aumento de representatividade ao nível dos órgão locais, desde as freguesias, à Assembleia Municipal e Câmara Municipal”, afirmou Rui Santos, tendo feito notar que a sua candidatura “não é contra ninguém, antes uma discussão de ideias e de estratégia”.

Instado a comentar a intervenção de Diogo Gomes, presidente da assembleia de militantes da Concelhia de Santarém, no 38.º Congresso do PSD, em Viana do Castelo, em que este lançou o desafio para que o atual deputado Duarte Marques, natural de Mação e eleito pelo distrito de Santarém, seja indicado como candidato à Câmara Municipal de Abrantes, Rui Santos afirmou “demarcar-se por completo” da declaração.

Para Rui Santos “não faz sentido” falar-se em Duarte Marques, atual deputado, como candidato à Câmara de Abrantes, considerando “inadmissível” qualquer ingerência na estrutura e decisão da concelhia do PSD.

“É inadmissível que um militante de uma concelhia tente condicionar uma candidatura de outra concelhia. Demarco-me por completo desse tipo de declaração, comentário que não faz qualquer sentido, isto apesar de todo o apreço que nutro pelo deputado Duarte Marques e pelo trabalho que tem desenvolvido enquanto deputado”, afirmou.

“Serão os órgãos políticos do PSD de Abrantes que, na devida altura, irão escolher o seu candidato a presidente da Câmara de Abrantes”, reiterou.

A Câmara Municipal de Abrantes é gerida pelo PS, partido que obteve maioria absoluta em 2017. O PS tem cinco eleitos (4 vereadores mais o presidente), o PSD elegeu um vereador e o BE também.

Das 13 freguesias, o PSD preside a uma (União de Freguesias de Aldeia do Mato e Souto), tendo ainda cinco deputados na Assembleia Municipal (4 deputados eleitos mais um presidente de junta, por inerência).

As eleições no PSD de Abrantes estão marcadas para dia 7 de março e o atual presidente, Diogo Valentim, disse ao mediotejo.net que não vai recandidatar-se ao cargo.

“Existem muitas pessoas, de diversas gerações de militância do PSD, com provas dadas no nosso concelho nos diversos órgãos autárquicos, que saberão estar à altura e dizer presente no momento certo, de forma desprendida, pelo PSD de Abrantes, mas acima se tudo pelas pessoas do nosso concelho. Rui Santos não concorrerá sozinho, com toda a certeza”.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here