Abrantes | Nove dias de festa em Mouriscas com a Feira Mostra

Inauguração do Largo Espírito Santo. Foto: mediotejo.net

A Feira Mostra de Artesanato e Gastronomia Mouriscas está de regresso e a 26ª edição arranca esta sexta-feira, dia 10, e prolonga-se até 18 de agosto no Campo das Aldeias com um programa recheado em que a música é presença confirmada em sete dos nove dias do evento. A acompanhar os concertos estão propostas associadas aos sabores e saberes locais, folclore, desporto, religião e muito mais.

PUB

A animação musical começa esta sexta-feira com a atuação de Farrua Brass Folks, às 20h00, seguida pela da banda Semáforo, às 22h00. No fim-de-semana, os concertos são assegurados grupos PK7, no sábado, e Street Band, no domingo, sempre a partir das 22h00. O horário repete-se na segunda-feira, quando o músico Carlos Catarino subir ao palco. Na terça-feira, dia 14, a Fanfarra SFUM – Sociedade Filarmónica União Maçaense começa às 20h00 e a atuação da banda Remédiu Santu às 22h00.

Depois da pausa musical dos dias 15 e 16, quarta-feira e quinta-feira, o palco recebe a Banda Filarmónica Mourisquense e David Alves, às 21h00 e 22h30 de dia 17, respetivamente. Para o segundo sábado e último dia da feira Mostra estão marcados o Festival Nacional de Folclore, organizado pelo Grupo Etnográfico “Os Esparteiros” de Mouriscas, às 21h00, e o concerto de Pedro Melão, à meia-noite.

O Grupo Etnográfico “Os Esparteiros”, de Mouriscas, organiza o Festival Nacional de Folclore. Foto: Grupo Etnográfico “Os Esparteiros”

O programa arranca oficialmente às 19h00 de sexta-feira, dia 10, e entre música, gastronomia e artesanato encontram-se outros pontos altos, como a apresentação da equipa de futebol da Casa do Povo de Mouriscas, às 21h00 de dia 11, o passeio “Chapa Amarela”, organizado pela associação “Os Mouriscos”, a partir das 08h00 de dia 14, e a Romaria de Nossa Senhora dos Matos, com o tradicional piquenique das famílias antes das cerimónias religiosas, em hora a anunciar no dia 15.

Além destas iniciativas, a organização apresenta como outros motivos de interesse os projetos da ACROM – Associação Cultural das Rotas de Mouriscas, um para a criação das Rotas das ribeiras de Arcês e Rio Frio, resultante do Orçamento Participativo Português (OPP) 2017 e outro ligado às fontes e nascentes #415, neste momento em votação no OPP 2018.

PUB

Acrescem a ginástica de manutenção e os jantares culturais e temáticos do Grupo Desportivo e Recreativo (G.D.R.) “Os Esparteiros” e o trabalho desenvolvido com os Lobitos, Exploradores, Caminheiros e Pioneiros do Agrupamento de Escuteiros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here