À Descoberta | Fauna e flora do Médio Tejo

Corvo (Corvus corax) – O corvo é uma das espécies mais acrobáticas da nossa avifauna, sendo essa característica visível nos fantásticos voos que efectua.

PUB

Identificação: Grande ave de cor negra, que à primeira vista pode levar o observador a pensar tratar-se de uma ave de rapina. Distingue- se da gralha-preta pelo facto de planar frequentemente, voando em círculos, e também pela cauda longa e cuneiforme. A sua
vocalização (“kro-kro”) confirma a sua identificação.

Abundância e calendário:  Outrora relativamente comum, o corvo é hoje relativamente
escasso na maior parte do território português, e apesar de ter uma distribuição ampla ocorre geralmente em densidades muito baixas, raramente se vendo mais de dois ou três
indivíduos juntos. Frequenta sobretudo zonas pouco habitadas no interior do país, apreciando zonas escarpadas e inacessíveis. É uma espécie residente, podendo ser visto durante todo o ano.

O corvo-comum (Corvus corax) é um pássaro da família Corvidae, um grande passeriforme encontrado em todo o hemisfério norte e a mais cosmopolita das espécies de corvídeos.

Há pelo menos oito subespécies, com pouca variação na aparência, embora pesquisas recentes tenham demonstrado diferenças genéticas significativas entre as populações de várias regiões.

PUB

É um dos dois maiores corvídeos, ao lado do Corvo-vulturino e é, possivelmente, a mais pesada ave passeriforme. Na maturidade, os corvos têm em média 63  centímetros de comprimento e 1,2  quilogramas de peso. Corvos comuns podem viver até 21 anos em estado selvagem.

Os corvos comuns coexistem com humanos há milhares de anos e em algumas áreas têm sido tão numerosos que as pessoas consideram-nos como pragas. Parte do sucesso da espécie é devido à sua dieta onívora. São extremamente versáteis e oportunistas em encontrar fontes de nutrição, alimentando-se de carniça, insetos, grãos de cereais, bagas, frutos, pequenos animais e resíduos alimentares.

Um dos talentos notáveis ​​é o da resolução de problemas, evidenciando que o corvo comum é extraordinariamente inteligente.

Foto em Montalvo – setembro 2019

Estatuto de Conservação em Portugal – Quase ameaçado

Fonte – Aves de Portugal e Wikipédia

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here